sábado, 29 de outubro de 2011

Dicas, por Roberto Shinyashiki


Quando tomar uma decisão, comprometa-se com ela.
Mostre o respeito pelo seu propósito em todos os momentos.
Trabalhe para realizar os seus sonhos com toda força do seu coração.
Nenhum obstáculo resiste a uma pessoa determinada.
Crie paz nos seus relacionamentos.
Não viva para provar que você está certo, e o outro, errado.
Quem tem amor no coração não julga os outros, não deprecia o próximo.
Certo ou errado são somente formas de se olhar a mesma coisa por lados diferentes.
Simplifique a sua vida.
Tanto a felicidade como o sucesso são construídos sobre a simplicidade.
Amores complicados, chefes complicados, amigos complicados não são bons para a saúde.
As pessoas que valem a pena ter ao nosso lado são simples e suaves como um entardecer.

Roberto Shinyashiki , médico psiquiatra e escritor. Enviado por Irene

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

OS ANJOS FALAM SOBRE 2012 - Livro de Diana Cooper



Os anjos respondem... O texto a baixo, é uma tradução  de algumas páginas do livro Angel Answers,da autora britânica Diana Cooper, ainda sem tradução para o português.

Qual a importância do ano 2012?O solstício de verão do hemisfério sul do ano de 2012 indica o fim de uma era e um novo começo.
Marca o fim de um ciclo astrológico de 26 mil anos e o começo de um novo ciclo.
É também o começo de um período de 20 anos de transição.
Uma nova energia já começou a chegar na Terra, em uma preparação para a aguardada mudança - e uma enorme quantidade de luz será derramada sobre todos nós em 2012.
A Senhora Gaia, o grande anjo que toma conta de nosso planeta, decretou que a Terra e todos os que nela habitam devem elevar sua consciência, então se você estiver preparado, terá uma extraordinária oportunidade de crescimento espiritual, uma chance única em muito, muito tempo. Você tem sido preparado para este momento por centenas de anos.

Por que esta mudança irá ocorrer em 2012?A cada 26 mil anos, ou 25.920 para ser mais exato, acontece um raro e extraordinário alinhamento astrológico entre a Terra, o Sol e a Via Láctea, quando o tempo pára por um momento. Isso é conhecido como um momento cósmico, um período de milagres e do desconhecido, quando acontecem coisas além da compreensão humana.
Os planetas Netuno, Urano e Plutão estarão configurados para interagirem.
A esperada aceleração espiritual talvez aconteça de forma lenta para a percepção humana, mas em termos cósmicos será muito rápida.
Escrituras antigas em sânscrito descrevem este momento cósmico como a pausa entre a inspiração e a expiração de Brahman, ou Deus.
Netuno representa a espiritualidade elevada, Urano significa mudança e Plutão é transformação - quando estas energias estiverem trabalhando juntas, causarão um enorme impacto no nosso planeta.
Isso oferece o potencial para uma enorme mudança de consciência e estamos recebendo orientação para usar estas energias elevadas com sabedoria.

O que os anjos estarão fazendo no dia 21 de dezembro de 2012?Os anjos irão congregar para ajudar a humanidade a aceitar essas novas energias que estarão disponíveis. Eles nos pedem para nos preparar. Arrume tempo para orações e para meditação, mas se isso for difícil para você, simplesmente acenda uma vela e peça para as forças divinas te guiarem. Você pode ainda preferir fazer caminhadas silenciosas na
natureza, mas por favor reconheça a atual importância de um crescimento espiritual pessoal e planetário.

O que exatamente vai acontecer no dia 21 de dezembro de 2012?A atual projeção é a de que algumas pessoas vão se mover para a quarta dimensão, outras se moverão para a quinta, enquanto algumas poucas - as que estiverem preparadas, vão ascender.
Outras ainda vão escolher ficar, para que possam atuar como guias de luz e orientar todos aqueles que só vão começar a despertar nesta data.
Os anjos não antecipam uma grande mudança drástica ou dramática para este dia.
O momento cósmico e as energias disponíveis fornecerão uma extraordinária chance para iluminação.
É esperado que milhões de almas se beneficiarão desta oportunidade espiritual única.

O que significa se mover para a quarta dimensão?Quando você eleva sua consciência para a frequência da quarta dimensão, o seu chakra do coração se abre.
Com o coração aberto, você não consegue mais prejudicar nenhuma outra forma de vida, pois você então percebe que se fizer isso, estará prejudicando a si mesmo. Porque você agora acessa uma consciência global e cósmica, você procura pela paz. É antecipado que movimentos pela paz ganharão muita força depois desta data.

O que significa se mover para a quinta dimensão?Isso envolve uma percepção de que somos todos parte de uma Unicidade, somos todos Um, e por consequência tratamos os outros como gostaríamos de ser tratados.

O que significa ascender?Quando você ascende para uma frequência mais elevada ainda, você traz uma maior parte da energia de sua alma para dentro de sua vida.
Durante esta transição você será capaz de trazer tanta energia divina para si que talvez não consiga mais sustentar um corpo físico, e neste caso poderá fazer a escolha por deixar o corpo físico.

Os Maias se referiam a 21 de dezembro de 2012 como o Dia da Criação. O que é o Dia da Criação, alguma coisa vai realmente acontecer?Os sábios da cultura maia profetizaram que a energia que é recebida no Dia da Criação poderá reviver a força da kundalini em muitas pessoas. Isso irá ativar novamente os doze chakras, que funcionavam totalmente durante a Era de Ouro de Atlântida, mas que se fecharam quando a frequência daquela grande civilização caiu.
Assim que estes elevados chakras forem novamente ativados nestes indivíduos, a memória genética de suas identidades divinas será ativada e eles poderão experimentar mais uma vez infinitas possibilidades.
A luz que poderão acessar da Fonte irá então fluir através de seus chakras mais elevados e atingir o chakra Estrela da Terra, que encontra-se abaixo dos pés.
Esses indivíduos serão capazes de se conectar diretamente com as pirâmides, através das linhas de energia do planeta.
As pirâmides são na verdade computadores cósmicos que operam como sub-estações e geradores de energia, mas atualmente perderam este poder.
Quando esta luz se conectar novamente com elas através da humanidade, poderá recarregá-las com a energia proveniente da Fonte. Isso causará um verdadeiro renascimento de uma consciência mais elevada na Terra.
Se um número suficiente de pessoas se abrir para o amor e a iluminação, isso certamente vai acontecer.  Não será repentino, mas o processo será iniciado.

O que é o Grande Calendário de Pleiades?Este é um calendário cósmico baseado no movimento de Pleiades.
Este calendário também acaba no dia 21 de dezembro de 2012.
Atualmente, energias elevadas estão vindo para a Terra de outras galáxias.
Estas  energias estão sendo diluídas por Pleiades, que trabalha como um transformador, para que os humanos e todas as formas de vida aqui possam absorver esta força direcionada a eles.
Muitas crianças estelares, aqueles cujas almas vem para o seu planeta provenientes de outras estrelas e galáxias, passam
um tempo em Pleiades ajustando sua vibração e aprendendo a respeito da Terra, antes de serem gerados por uma mãe humana.
Depois de 2012, essas crianças de frequência elevada poderão encarnar diretamente aqui, pois suas mães terão uma ressonância compatível.

Algumas almas vem para a Terra através de outros planetas além de Pleiades?Sim. Existem centros de treinamento em outros planetas, estrelas e galáxias.
Por exemplo, muitos guerreiros de luz estudaram sobre a iluminação nas universidades de Orion antes de virem agora para a Terra.
Outros ainda estudaram tecnologia diferentes métodos de cura em Sirius.
Alguns aprenderam sobre a centralização do coração em Andromeda ou Vênus, enquanto outros foram educados em Marte, na arte de usar seu poder de guerreiro para proteger os desprivilegiados, fracos e indefesos.
Muitos indivíduos foram educados nestas diferentes escolas cósmicas para atuarem em importantes papéis durante esta transição.

Se o alinhamento astrológico de 2012 já causou desastres no passado, porque desta vez será diferente?No passado, a consciência da humanidade era tão baixa que este alinhamento apenas causou guerras e desatres naturais. Naquele tempo, isso não afetou muito o cosmos. Mas agora as coisas são diferentes.
A mudança que está atualmente ocorrendo no seu planeta é microcósmica e macrocósmica, pois o universo inteiro deve elevar sua vibração. A Terra terá nesta transição um papel muito importante para definir o futuro do progresso cósmico.
A Senhora Gaia já decretou que o seu planeta e todas as formas de vida nele devem elevar sua frequência da terceira para a quinta dimensão. Isso significa que esta mudança deve obrigatoriamente acontecer, e é a primeira vez que uma decisão destas é tomada em muito, muito tempo.
A atual frequência baixa da Terra está freiando o progresso de todo o seu universo, por isso muita ajuda está sendo enviada de
fora, muitos outros seres estão focados na humanidade. O cosmos depende de vocês!

Que ajuda está sendo focada na Terra para fazer esta preparação para 2012?Por causa do decreto universal para a Terra iniciar sua elevação para a quinta dimensão em 2012, benéficos alinhamentos astrológicos foram organizados para ajudar a humanidade.
A convergência harmônica de 1987 iniciou um processo para trazer energias mais elevadas e aumentar a consciência das pessoas em geral.
A concordância harmônica de 2004 trouxe mais energia feminina, para ajudar a despertar a compaixão e a abrir os corações humanos. Um raro e auspicioso duplo trânsito de Vênus está ocorrendo. Este planeta transitou pelo sol na concordância harmônica do dia 8 de junho de 2004.
Irá transitar novamente no dia 6 de junho de 2012. Esta conjunção especial oferece enormes oportunidades de crescimento espiritual. Começou a equilibrar as energias masculinas e femininas dentro dos indivíduos e na consciência coletiva. Isso ajuda no potencial para acelerar a ascensão individual e planetária. Para isso, você deve estar preparado para elevar sua vibração e realmente valorizar todas as formas de vida.
Alinhamentos especiais ocorrerão em dezembro de 2012.
Anjos estarão chegando a Terra em grandes grupos para ajudar a humanidade de uma forma sem precedências. Unicórnios estarão retornado ao planeta para também ajudar os humanos a redescobrirem sua real natureza divina.
Está sendo redescoberta a sabedoria dos golfinhos e das baleias.
Crianças de alta frequência estão nascendo e almas muito antigas estão reencarnando.
Fazendo a sua parte, você não apenas ajuda a si mesmo, aos outros e ao planeta, mas sua jornada pessoal será também gloriosamente enriquecida.

O que acontecerá a todos aqueles que não estiverem prontos para mudar sua vibração para uma consciência mais elevada?Se você não estiver preparado, você não notará o portal aberto e no fim de sua atual encarnação você continuará a jornada de sua alma em algum outro planeta da terceira dimensão, que ainda acolhe a dor e o sofrimento da separação causada por uma baixa compreensão da consciência.

Os shamãs africanos e americanos, e também o povo Maori, todos profetizavam um período de 25 anos de purificação antes de uma mudança de consciência. Isso está acontecendo? Esta purificação está acontecendo agora.

O que significa este período de 25 anos de purificação?Em agosto de 1987 ocorreu uma configuração astrológica conhecida como convergência harmônica.
Naquela época muitos guerreiros de luz foram aos topos de montanhas e lugares sagrados para orar e meditar para que a Terra recebesse ajuda.
A luz de tais orações enviada aos céus foi tão intensa que Saint Germain, um dos Mestres Iluminados, levou estas orações a Fonte e suplicou para que a humanidade recebesse ajuda.
Através da graça divina ele recebeu permissão para devolver a todas as pessoas em todas as partes a Chama Violeta, para começar a transmutar a negatividade no planeta.
Apesar da Chama Violeta já estar disponível para alguns seletos grupos antes de 1987, essa disponibilidade em massa marcou o início deste período de 25 anos de purificação. Desde então, Gaia começou a se livrar das toxinas, o karma criado pela barbaridade humana.
Isso Gaia faz através de terremotos, erupções de vulcões, furacões, tsunamis, incêndios e outros desastres, eventos nos quais muitas almas deixam o planeta levando consigo muita energia negativa para que seja curada e transmutada no mundo espiritual.
As orações feitas mundialmente depois desses desastres também ajudam a purificar todos os continentes. Mas há ainda muito por vir.

A Chama Violeta fundiu com a Chama Prateada? Por que?Os anjos observam com muita alegria muitos guerreiros de luz se dedicando a purificar suas energias e a curar os outros.
O resultado foi que num outro ato de benevolência divina, a Chama Prateada da Graça e da Harmonia fundiu-se com a
Chama Violeta da Transmutação.
A Chama Violeta transmuta energias negativas.
A Chama Prateada permite que o novo e o belo entrem no lugar do antigo, daquilo que já não serve mais.

O que é a Chama Dourada e Violeta-Prateada da quinta dimensão?A Chama Dourada fundiu agora com a Chama Violeta e Prateada. Ela está adicionando sabedoria, amor angelical e proteção nas qualidades da harmonia e transmutação - uma combinação muito poderosa que eleva sua consciência para a quinta dimensão.

Como usar a Chama Dourada e Violeta-Prateada:

1. Aonde você estiver, você pode invocar a Chama Dourada e Violeta-Prateada.
Imagine uma chama que inclui todos os tons do lilás ao prateado, passando pelo violeta, que cria brilhos dourados. Visualize esta chama.
2. Visualize esta chama envolvendo todos aqueles que precisem se livrar da negatividade.
3. Envie esta chama para aqueles que estão necessitados, doentes ou em desequilíbrio. Se você tiver qualquer problema com seu corpo físico, deixe que esta chama banhe
esta parte de seu corpo.
4. Se você sente raiva, medo ou qualquer outro tipo de negatividade, imagine esta chama a sua volta. Sinta-a dissolvendo os sentimentos velhos e substituindo-os com alegria.
5. Transmita esta chama para os lugares onde há guerra ou desastres.
6. Imagine-a fluindo através da rede elétrica, dos fios telefônicos e de toda a internet, para que purifique toda a rede virtual.

Eu ainda vou estar aqui depois de dezembro de 2012?Isso depende das decisões mais elevadas tomadas por sua alma.
Enquanto muitos vão escolher deixar a realidade da terceira dimensão antes ou logo após esta data, a maioria vai escolher ficar.

O que acontecerá com o sistema financeiro, eu devo guardar dinheiro agora?Aprenda a expandir sua consciência e a manifestar abundância para você mesmo.
O mundo vai continuar, mesmo depois que as mudanças acontecerem.
 
[Algumas páginas do livro Angel Answers, da autora britânica Diana Cooper], enviado por Francisco Ulisses.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Quando a boca cala.... o corpo fala!!!



Este alerta está colocado na porta de um espaço terapêutico.
O resfriado escorre quando o corpo não chora.
A dor de garganta entope quando não é possível comunicar as aflições.
O estômago arde quando as raivas não conseguem sair.
O diabetes invade quando a solidão dói.
O corpo engorda quando a insatisfação aperta.
A dor de cabeça deprime quando as duvidas aumentam.
O coração desiste quando o sentido da vida parece terminar.
A alergia aparece quando o perfeccionismo fica intolerável.
As unhas quebram quando as defesas ficam ameaçadas.
O peito aperta quando o orgulho escraviza.
A pressão sobe quando o medo aprisiona.
As neuroses paralisam quando a criança interna tiraniza.
A febre esquenta quando as defesas detonam as fronteiras da imunidade.
Preste atenção!

enviado por Ana Maria

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Olhos nos olhos.


Em nossa lida diária não mais olhamos nos olhos de nossos semelhantes, não mais sabemos nos entregar ao silêncio de um encontro, ao calor de um abraço. Em nossa vida, há muito tempo cremos que estamos, drasticamente, separados uns dos outros, que nossos países estão separados por fronteiras e que nossas religiões estão separadas por diferentes crenças e rituais. Acreditamos na separação desde que nos individuamos como seres humanos, há milhares de anos atrás.
Agora estamos diante de um novo paradigma, estamos reaprendendo que a separatividade é uma ilusão, estamos todos unidos em uma mágica e invisível teia. A globalização, a tecnologia e a economia nos mostram que o mundo ficou pequeno e que as fronteiras são precárias. Os países ricos não estão a salvo da miséria e da violência dos países pobres. Os ricos e poderosos não estão imunes ao sofrimento e a dor. A separação é uma ilusão, que cai por terra quando vemos a dor que há no mundo.
Estamos todos juntos numa nave chamada Terra, com um destino incerto, a ser definido por todos nós. Não estamos protegidos da guerra, do ódio, da violência, da doença, da fome, mas somos responsáveis e co-criadores da dor no mundo, se acreditamos que não seremos alcançados por ela. Mas também podemos criar a paz e a harmonia no planeta, se formos capazes de criar a paz e a harmonia em nós. Podemos expandir esta paz para nossos familiares, nossos amigos, nosso ambiente de trabalho. Podemos trazer idéias e atitudes que ajudem a salvar o planeta da poluição, da destruição, da miséria e da ignorância. Cada pequena atitude é como o elo de uma corrente, uma corrente de amor e paz que será capaz de salvar o planeta.
A ciência nos coloca diante de um novo modelo, o modelo holográfico, em que uma imagem pode ser dividida em inúmeras partes, em que todas irão sempre retratar a primeira imagem, em sua totalidade. A cada divisão, a imagem original se repete inteira, embora menor e menos nítida. O todo está presente na parte, e a parte no todo. Em nossa sociedade também fazemos parte de um todo chamado humanidade, que faz parte deste planeta que habitamos, que faz parte de um sistema solar, que faz parte de outros sistemas, que se integram com o universo.
Quando novamente nos aproximamos das pessoas ao nosso redor, de uma forma amorosa e respeitosa, quando não mais nos sentimos separados de cada ser vivente em nosso planeta, é como se voltássemos a unificar as imagens de um holograma, e assim permitimos que a imagem criada volte a sua definição e nitidez original. É assim que curamos o planeta, quebrando as diferenças e muros que nos separam das pessoas de nossa família, de nossos amigos, de nossa comunidade. Assim criamos uma imagem cada vez mais nítida de um todo. O todo que somos, o todo que está incluído na parte que somos do universo.
Nos ver na totalidade nos propõe um novo olhar, um olhar inteiro, amoroso, cheio de compaixão e respeito pela individualidade de cada um. Os olhos são como as janelas da alma, que deixam ver o mais profundo em nosso ser. Olhar nos olhos é desnudar a alma, é se entregar, é confiar, é sobretudo, amar. Por isso este olhar é tão profundo, tão emocionante e tão difícil. Este olhar pode ser perturbador, porque nunca nos ensinaram a olhar nos olhos, com toda nossa verdade e inteireza. E cabisbaixos, andamos pela vida, perdidos de nós mesmos, perdidos da unidade do universo a qual sempre pertencemos. Mas podemos reaprender este olhar, e de perturbador e inquietante, este olhar se torna prazeroso e mais emocionante.
 Através deste olhar estamos falando por nossa alma, e se já descobrimos a Luz que nos habita, é através deste olhar que iluminamos o mundo. E nosso olhar pode então espalhar as estrelas que um dia catamos no céu, pode ser testemunho de nossa origem celestial, de nossa filiação divina. Através de nosso olhar encontramos um novo nível de relacionamento, onde somos quem realmente somos, Amor e Luz.
Neste nível, não estamos mais somente no nível físico, emocional ou mental, ascendemos para o quarto nível, onde nos relacionamos altruísticamente, generosamente com aqueles que estão a nossa volta. Através deste olhar, ascendemos para os níveis espirituais, onde podemos ver cada um em seu potencial luminoso. “_ O Deus que em mim habita, saúda o Deus que em ti habita!” É este o sentido deste olhar, desvendar Deus em cada um de nós. E este olhar pode ser mais que um aprendizado, pode se tornar uma grande corrente a nos unir sobre a terra.

do livro De Volta à Casa do Pai, Ana Liliam

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Feng Shui Interior



A bagunça é inimiga da prosperidade. Ninguém está livre da desorganização.

A bagunça forma-se sem que se perceba e nem sempre é visível. A sala parace em ordem, a cozinha também, mas basta abrir os armários para ver que estão cheios de inutilidades.

De acordo com o Feng Shui Interior, uma corrente do Feng Shui que mistura aspectos psicológicos dos moradores com conceitos da tradicional técnica chinesa de harmonização de ambientes - bagunça provoca cansaço e imobilidade, faz as pessoas viverem no passado, engorda, confunde, deprime, tira o foco das coisas importantes, atrasa a vida e atrapalha relacionamentos.

Para evitar tudo isso fique atento às oito regras para domar a bagunça.

1 - Jogue fora o jornal de ontem.
2 - Somente coloque uma coisa nova em casa quando se livrar de uma velha.
3 - Tenha latas de lixo espalhadas nos ambientes, use-as e limpe-as diariamente.
4 - Guarde coisas semelhantes juntas; arrume roupas no armário de acordo com a cor e fique só com as que utiliza mesmo.
5 - Toda sexta-feira é dia de jogar papel fora.
6 - Todo dia 30, por exemplo, faça uma limpeza geral e use caixas de papelão marcadas: lixo, consertos, reciclagem, em dúvida, presentes, doação. Após enchê-las, dê seu destino.
7 - Organize devagar, comece por gavetas e armários e depois escolha um cômodo, faça tudo no seu rítmo e observe as mudanças acontecendo na sua vida.
8 - Veja, abaixo, uma lista de atitudes pessoais capazes de esgotar as nossas energias. Conheça cada uma dessas ações para evitar a "crise energética pessoal".

1 - Maus hábitos, falta de cuidado com o corpo - descanso, boa alimentação, hábitos saudáveis, exercícios físicos e o lazer são sempre colocados em segundo plano. A rotina corrida e a competitividade fazem com que haja negligência em relação a aspectos básicos para a manutenção da saúde energética.

2 - Pensamentos obsessivos - pensar gasta energia e todos nós sabemos disso. Ficar remoendo um problema cansa mais do que um dia inteiro de trabalho físico. Quem não tem domínio sobre seus pensamentos - mal comum ao ser humano ocidental - torna-se escravo da mente e acaba gastando a energia que poderia ser convertida em atitudes concretas, além de alimentar ainda mais os conflitos. Não basta estar atento ao volume de pensamentos, é preciso prestar atenção à qualidade deles. Pensamentos positivos, éticos e elevados podem recarregar as energias, enquanto o pessimismo consome energia e atrai mais negatividade para nossas vidas.

3 - Sentimentos tóxicos - choques emocionais e raiva intensa também esgotam as energias, assim como ressentimentos e mágoas nutridos durante anos seguidos. Não é à toa que pessoas ficam estagnadas e não são prósperas. Isso acontece quando a energia que alimenta o prazer, o sucesso e a felicidade é gasta na manutenção de sentimentos negativos. Medo e culpa também gastam energia e a ansiedade descompassa a vida.

Por outro lado, os sentimentos positivos como a amizade, o amor, a confiança, a alegria, a auto-estiam, o desprendimento, a solidariedade e o bom humor recarregam as energias e dão força para empreender nossos projetos e superar os obstáculos.

4 - Fugir do presente - as energias são colocadas onde a atenção é focada. O ser humano tem a tendência de achar que no passado as coisas eram mais fáceis: "bons tempos aqueles!", costumam dizer. Tanto os saudosistas que se apegam às lembranças do passado, quanto aqueles que não conseguem esquecer os traumas, colocam sua energia no passado.

Por outro lado, os sonhadores ou pessoas que vivem esperando pelo futuro, depositam nele sua felicidade e realização, deixam pouca ou nenhuma energia no presente.

E é apenas no presente que podemos construir nossas vidas.

5 - Falta de perdão - perdoar significa soltar ressentimentos, mágoas e culpas. Libertar o que aconteceu e olhar para frente. Quanto mais perdoamos, menos bagagem interior carregamos, gastando menos energia ao alimentar as feridas do passado. Mais do que uma regra religiosa, o perdão é uma atitude inteligente daquele que busca viver bem e quer seus caminhos livres, abertos para a felicidade. Quem não sabe perdoar os outros e a si mesmo, fica energeticamente obeso, carregando fardos passados.

6 - Mentira pessoal - todos mentem ao longo da vida, mas para sustentar as mentiras gasta muita energia. Somos educados para desempenhar papéis e não para sermos nós mesmos: a mocinha boazinha, o machão, a vítima, a mãe extremosa, o corajoso, o pai enégico, o mártir e o intelectual. Quando somos nós mesmos, a vida flui e tudo acontece com pouquíssimo esforço.

7 - Viver a vida do outro - ninguém vive só e, por meio dos relacionamentos interpessoais, evoluimos e nos realizamos, mas é preciso ter noção de limites e saber amadurecer também nossa individualidade. Esse equilíbrio nos resguarda energeticamente e nos recerrega. Quem cuida da vida do outro, sofrendo seus problemas e interferindo mais do que é recomendável, acaba não tendo energia para construir sua própria vida. O único prêmio, nesse caso, é a frustração.

8 - Bagunça e projetos inacabados - a bagunça afeta muito as pessoas causando confusão mental e emocional. Um truque legal quando a vida anda confusa é arrumar a casa, os armários, gavetas, a bolsa e os documentos, além de fazer uma faxina no que está sujo. À medida que ordenamos e limpamos os objetos, também colocamos em ordem nossa mente e coração. Pode não resolver o problema, mas dá alívio.

Não terminar as tarefas é outro escape de energia. Todas as vezes que você vê, por exemplo, aquele trabalho que não concluiu, ele lhe diz incoscientemente: você não me terminou!, você não me terminou! Isso gasta uma energia tremenda. Ou você o termina ou livre-se dele e assuma que não vai concluir o trabalho. O importante é tomar uma atitude. O desenvolvimento do auto-conhecimento, da disciplina e da determinação fará com que você não invista em projetos que não serão concluidos e que apenas consumirão seu tempo e energia.

9 - Afastamento da natureza - a natureza, nossa maior fonte de alimento enrgético, também nos limpa das energias estáticas e desarmoniosas. O homem moderno, que habita e trabalha em locais muitas vezes doentios e desequilibrados, vê-se privado dessa fonte maravilhosa de energia. A competitividade, o individualismo e o estresse das grandes cidades agravam esse quadro e favorecem o vampirismo energético, onde todos sugam e são sugados em suas energias vitais.

Divulgue essas dicas para o maior número de pessoas possível e mentalize que quando todos colocarem essas regras em prática, o mundo será mais justo e mais belo.

Vamos tentar melhorar nossa energia pessoal. Atitudes erradas jogam energia pessoal no lixo, reduzindo a proteção contra as energias negativas, aumentando o risco de sofrer vampirismo energético.

Posicionar os móveis de maneira correta, usar espelhos para proteger a entrada da casa, colocar sinos de vento para elevar a energia ou ter fontes d´água para acalmar o ambiente, são medidas que se tornarão ineficientes se quem vive neste espaço não cuidar da própria energia.

Portanto, os efeitos positivos da aplicação do Feng Shui nos ambientes estão diretamente relacionados à contenção da perda de energia das pessoas que moram ou trabalham no local.

O ambiente faz a pessoa e vice-versa.

enviado por Luiz Otávio
 

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

A MÁGICA DESTE TEMPO



A MÁGICA DESTE TEMPO por Lorde Merlin
Canalizado através de Natalie Glasson
17 de Outubro de 2011.

O mundo, que vocês atualmente reconhecem como a sua realidade, é iluminado com a magia, o próprio ar que vocês respiram em seu corpo está cheio da presença da magia e o seu corpo está se preparando para expressar a energia da magia em sua vida diária.

A Magia é um rótulo para a energia da força vital, a essência e a verdade do Criador: é uma energia ativa. A Magia é um processo de intenções e de energia que cria milagres, possibilidades e potenciais. Há tanta magia na Terra agora como a atenção de todos os aspectos do universo do Criador está em vocês e na Humanidade da Terra. Todos estão observando o milagre que é a Terra neste exato momento. Até a sua alma, a energia dentro do seu corpo físico, os estão observando, observando a Terra e procurando a beleza da magia enquanto ela se manifesta. Com tanta atenção sendo colocada na Terra, há grandes quantidades de energia, de intenções e de luz sendo focadas em sua realidade. Isto verdadeiramente é uma bênção; vocês estão sendo apoiados por todo o Universo, por todos os aspectos do Criador. A energia que está sendo ancorada age como um ampliador para desenvolver as suas intenções e incentivar toda a sua verdade a florescer.

Não é somente a Terra que está atraindo a atenção; todos os aspectos, as estrelas e civilizações no Universo do Criador estão se observando, esperando, pensando e sentindo o apoio que eles enviam uns aos outros. Eles gostam que vocês estejam reconhecendo a elevação na vibração, o aumento da luz, da sensibilidade e da consciência, bem como respeitando a sabedoria nelas, o que indica que a mudança positiva está no horizonte.

Aqueles que não estão conscientes ou sensíveis à energia, podem não estar cientes da grande magia que está ocorrendo, mas há excitação, antecipação e esperança se formando na energia de muitos, criando um tremendo poder da magia, onde qualquer coisa é possível, onde os sonhos podem verdadeiramente se manifestar. Muitos de vocês desejaram estar na Terra neste momento; vocês esperaram pacientemente por este momento para virem e estarem aqui, assim há uma necessidade de continuar a despertar o seu ser tanto quanto possível e permitir que a sua alma os guie. Sua alma, em si mesma, é uma forma de magia. É somente a energia que pode verdadeiramente guiá-los através das transições que estão ocorrendo agora.

Muita luz está sendo ancorada na Terra. Ela está lançando a luz do sol em todos os cantos escuros e assim a energia da negatividade está sendo desprendida por todos. A opressão da Terra está sendo alterada em uma vibração mais elevada: é impossível esconder o poder que a luz atualmente mantém e esta luz está naturalmente inflamando, bem como ampliando a luz em seu ser. É apropriado compreender que vocês não podem mais esconder a luz dentro de vocês, quem vocês verdadeiramente são, em que acreditam e como desejam existir na Terra. Se continuarem a esconder a sua verdade, mesmo uma pequena quantidade, vocês perceberão que as suas experiências os impulsionam para despertar e inflamar mais ainda a sua luz.
Vocês podem se perguntar por que estiveram esperando por este tempo na Terra. 2012 é simplesmente uma profecia, uma previsão de há muito tempo. Vocês podem questionar: como é que pode ter qualquer significado ou propósito em sua vida? 2012 não é uma profecia, nem é uma data escolhida por alguém há anos, como o tempo da mudança. A energia armazenada até na palavra, dois mil e doze, é uma ativação. Por muito tempo vocês mantiveram o conhecimento de 2012 em seu DNA e as chaves da alma como um lembrete. É quase como uma indicação que lhes diz que é o momento de despertar.

Houve um debate no passado que o tempo deveria ser feito mais longo ou mais lento, porque a humanidade não estaria preparada para alcançar e receber esta ativação e despertar na entrada da energia de 2012. No entanto, muitos seres de luz se tornaram conscientes disto em suas almas, começando a se apresentar brava e corajosamente para despertar a luz na humanidade, de modo que muitos estariam preparados para receber a necessária transformação na chegada da indicação de 2012. Os esforços deles e os seus têm sido de tirar o fôlego e estamos vendo que muitos estão preparados para a transição, para uma mudança de energia e de intenção. Para alguns, esta transformação continuará em 2012 e além, pois a energia e o crescimento estão sempre fluindo, enquanto outros experienciarão uma tremenda elevação na consciência, na vibração e na percepção.

Muitos podem perguntar o que 2012 irá ativar. Ele irá ativar o que lhes for apropriado, o seu caminho e propósito na Terra para acelerá-los ainda mais. 2012 foi programado para compartilhar os padrões de energia e dos códigos do amor do Criador e do seu coração. Esta pode ser a compreensão mais importante, à medida que entramos em 2012 a partir do seu ser, os padrões de energia e os códigos do amor serão ativados para que vocês os expressem.

Quando muitas pessoas atingirem esta expressão, isto recodificará a energia da Terra para manifestar uma grande fonte e era do amor. Para alguns, os padrões de energia do amor ativados, fluirão gradualmente durante um período de tempo na realidade e na consciência da humanidade, mas outros poderão senti-los como uma onda abundante de amor que se estende a partir do seu ser, conectando-se com todos. À medida que os padrões de energia do amor se ativam de dentro do seu ser, vocês perceberão que deverão primeiro incorporar o amor antes que possam começar a expressá-lo. Alguns poderão simplesmente expressar a sua energia de ativação do amor através de cada respiração que eles inalam, enquanto outros sentirão o tremendo poder fluindo através deles. Isto contribuirá imensamente com a manifestação da Era do Amor.

Enquanto a energia do amor se ativa a partir do seu DNA e de sua alma, isto mudará a sua programação, a forma como pensam, o modo com que percebem o mundo e a sua realidade. Quando muitas pessoas experienciarem isto, elas, naturalmente, irão alterar a realidade da Terra para uma realidade de amor, que é o sonho de cada alma na Terra:  existir como e no amor em todos os momentos. Este processo para mim é como mágica; vocês não poderiam pedir uma mágica maior, pois a ativação e a expressão serão totalmente felizes para muitos. Alguns poderão nem mesmo perceber a transição que está ocorrendo, mas naturalmente mudarão a sua mentalidade para manter e expressar um amor maior. Com a presença do amor virá uma maior unidade, respeito, honra e verdade entre as pessoas, mas isto poderá levar tempo para ser percebido e manifestado.

A data de 11/11/11 está também programada em seu DNA e em sua alma como um processo de ativação, que é criar uma mudança na consciência que irá preparar para a ativação de 2012.  Devo dizer que a data de 2012 é apenas uma marca; muitos irão experienciar um despertar nos meses ou dias anteriores ou posteriores a esta data, pois o tempo é pessoal para o indivíduo. 11-11-11 trará uma mudança na consciência, quando muitos serão encorajados a se alinhar com a luz e a fonte do Criador, bem como com os inúmeros aspectos do Criador a fim de encorajar uma maior consciência, compreensão e percepção do que está ocorrendo. Eu considero a ativação de 11-11-11 como criando uma maior sensibilidade para a sua alma e o seu ser espiritual. Portanto, vocês experienciam uma mudança do pensamento e percepções físicas para  a compreensão e expressão espiritual da alma.

A mudança na consciência é também para incorporar uma maior unidade entre a humanidade, enquanto cada alma une as suas energias para criar o que ela verdadeiramente deseja e se sente inspirada a manifestar na Terra. Cada um de vocês está omitindo partes de sua consciência, de sua sabedoria e compreensão. Isto é porque vocês não as reconheceram ainda. Com a união da consciência da humanidade, os aspectos e partes de sua consciência e sabedoria serão restaurados, pois vocês mostrarão uns aos outros a informação que precisam reconhecer. Não apenas isto tornará a humanidade mais forte como uma energia unida, mas permitirá um verdadeiro desabrochar da compreensão que a humanidade mantém. Esta ação em si mesma abrirá o caminho a seguir para uma maior incorporação e manifestação do amor.

Nós veremos que o 11-11-11 também representa uma poderosa ativação que raramente ocorre na Terra com tal número de pessoas. Este momento ativará um sentimento de poder e de liderança da alma. É quase como se às almas da humanidade fosse apresentada uma ferramenta ou um certificado que lhes oferece a permissão de se tornarem líderes em sua própria realidade. Isto não é para permitir que a personalidade ou o ego lidere como tem feito anteriormente, mas para permitir a sua alma que assuma um papel maior de liderança em sua realidade. 11-11-11 significa uma mudança na consciência, onde a liderança é movida a partir da personalidade e do ego para a alma e a essência do ser de uma pessoa. Isto somente ocorrerá quando o indivíduo estiver preparado e alcançado um nível de reconhecimento da alma, mas o 11-11-11 age como um marco para permitir que esta mudança comece e então ocorra com o tempo divino. Para aqueles que já sentem uma forte conexão com a sua alma, então isto será ampliado, quando novas experiências e compreensões de sua alma e de seu grupo de alma se manifestarão.
Através de minha comunicação hoje, é o meu desejo que vocês compreendam a magia e as maravilhosas experiências que estão se manifestando em sua realidade. Há uma necessidade de reconhecer e de apreciar o tempo em que vocês existem e como se colocaram no centro desta experiência por uma razão; esta razão é para vocês experienciarem e desfrutarem plenamente as transições. Muitos de vocês se sentem como se não soubessem o que devem estar alcançando agora, as práticas espirituais que precisam integrar em sua realidade, mas eu lhes diria neste momento especial: Reconheçam a mágica, a beleza em tudo e em todos, incluindo em vocês mesmos.

Concentrem-se em incorporar o amor, pois isto significará que quando os padrões do amor forem ativados, a sua experiência será maior.

Alinhem constantemente as suas energias com o Criador e peçam para aceitar a consciência que lhes seja mais apropriada.

Enviem amor à consciência da humanidade.

Tragam a sua atenção a sua alma, ouçam e irradiem a luz de sua alma, em preparação para o maior papel que ela desempenhará em sua realidade.

Lembrem-se da mágica em seu ser, lembrem-se da mágica em sua realidade e da mágica deste tempo.

Com amor, sempre,

Eu Sou Lorde Merlin

Natalie Glasson, Wisdom of the Light, http://www.wisdomofthelight.com/
YouTube – Mágica - http://www.youtube.com/watch?v=B0MYaAoZxJ8
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

enviado por Francisco Ulisses

domingo, 16 de outubro de 2011

A jornada dos relacionamentos



Antes de lerem este artigo, limpem a sua mente de quaisquer crenças, noções, opiniões ou expectativas anteriores do que significam os relacionamentos para vocês, porque a fim de entrarmos no paradigma dos relacionamentos intencionais e conscientes, devemos começar a partir de uma nova perspectiva. Até agora, os relacionamentos foram colocados no domínio do romance e tendemos a encará-los no contexto de parcerias românticas, mas eles abrangem todas as conexões que temos com cada pessoa, situação e coisa em nossas vidas. Para compreendermos realmente os relacionamentos, devemos começar com a compreensão de que temos um relacionamento com tudo em nossas vidas. E para começar do início, o nosso primeiro, mais importante e o único relacionamento significativo que podemos ter é aquele que temos com nós mesmos.

Há um dar e receber com os relacionamentos, o que compartilhamos com os outros e o que eles compartilham conosco. E tendemos a encarar isto a partir da perspectiva do que recebemos, mas eles realmente começam conosco, com o que nós damos. Toda a nossa energia é refletida de volta para nós nos relacionamentos que temos e isto começa conosco e com os nossos propósitos de cura e cármicos. Embora eles possam parecer complicados e confusos, quando fazemos as questões “certas”, cada relacionamento pode revelar um tesouro de informações sobre o nosso propósito e o que precisamos curar dentro de nós mesmos para termos os relacionamentos satisfatórios e seguros que queremos ter. Toda a alegria, paz, amor e abundância que queremos de nossos relacionamentos podem ser nossos quando vemos os nossos relacionamentos a partir do contexto de nós mesmos e dos dons da cura que eles têm para nós.
Todo relacionamento externo que temos em nossa vida, que são aqueles que temos com pessoas e situações e, de fato, com a própria vida, é um reflexo de nosso relacionamento interno com nós mesmos.

Assim enquanto percorremos a jornada da vida, somos proporcionados com um reflexo de nossa conexão interna com o nosso ego e o nosso espírito. Não é possível explicar a natureza do relacionamento sem fazermos a conexão com o eu e com o Ser. Se tentarmos encarar os nossos relacionamentos sem primeiro fazermos a conexão interna, podemos facilmente entrar na posição de vítimas, porque estamos desconectados da verdadeira causa, natureza e propósito dos relacionamentos, que é descobrir quem somos, a nossa jornada de cura e a nossa jornada para a integridade no corpo, mente, emoções e Espírito.
Qual é o nosso relacionamento com nós mesmos? Como nos consideramos no contexto de nossa vida? Nós nos apreciamos? Estas são as últimas questões que fazemos ou que nunca pensamos em fazê-las e, entretanto, elas são as únicas questões que importam quando falamos sobre os relacionamentos, porque são eles que nos ajudarão a compreender o que está acontecendo com todos os nossos relacionamentos e também determinar que tipos de relacionamentos nós teremos. Quanto mais estivermos dispostos a nos interiorizarmos para responder às perguntas sobre os relacionamentos, mais sucesso teremos com todos os nossos relacionamentos.

Mas muitas vezes olhamos o que está acontecendo fora de nós mesmos, com os nossos relacionamentos com a vida, com os outros e em diferentes situações e quando não somos o que pensamos ou desejamos que eles fossem, achamos que algo está errado conosco. Então tentamos tratar a situação ou a pessoa, mudá-las e a sua energia, na esperança de que elas nos respondam de modo diferente. Mas isto é colocar “a carroça na frente dos bois”, por assim dizer, porque elas não podem ser mais para nós do que somos para nós mesmos. Em outras palavras, elas estão somente refletindo a nossa energia de volta para nós. Se quisermos um resultado diferente, temos que começar com a causa, que sempre somos nós.

Como podemos conseguir que alguém nos veja de forma diferente, nos honre e nos respeite quando já tentamos de tudo? Nós não tentamos e fazer isto é uma perda de nosso tempo e energia. O que podemos fazer é visualizá-las como o que são: o reflexo de nossa energia, e mudarmos o que estamos expressando energeticamente. Então elas têm uma escolha, para mudar e nos encontrar em nosso nível expandido de consciência, ou nos afastarmos e permitirmos que outra pessoa ocupe o seu lugar. E é onde ficamos presos porque queremos manter os nossos relacionamentos, sermos recompensados pelo tempo, emoção e esforço que colocamos neles. A recompensa que buscamos é a gratidão, o compromisso e o amor, mas é uma recompensa que não se materializa. Em vez disto, podemos ser rejeitados, abandonados e nada recebermos, além do amor que buscamos. O que está errado conosco? Nada. O que está errado com a outra pessoa? Nada, eles estão apenas fazendo o que é suposto fazer, que é refletir a nossa energia de volta para nós. E se não nos amamos, nos honramos e nem nos respeitamos, eles também não o farão.

Quando esperamos algo de nossos relacionamentos, estamos colocando a responsabilidade pela nossa cura em alguém ou outra coisa. Então entramos no ressentimento e na consciência de vítima, quando os resultados não são o que esperávamos. Agora, devemos nos fazer uma dolorosa pergunta: qual era a nossa agenda? Porque todos nós temos agendas em nossos relacionamentos, que são as coisas que queremos e esperamos deles. Não nos vemos assim, porque dizemos que queremos o melhor para os outros, mas realmente queremos o melhor para nós mesmos. E não há nada de errado com isto, contanto que sejamos honestos em relação a isto.

Todo relacionamento serve a nossa necessidade de cura, porque este é o nosso principal propósito na vida e nos “relacionamos” com os outros com um propósito energético, embora possa não ser o nosso propósito emocional, que é termos as nossas necessidades emocionais satisfeitas. Mas a cura energética e as necessidades de transformação é o motivo pelo qual escolhemos esta pessoa ou situação em particular, não importa quão tão sem romantismo ou egoísta isto pareça.

Conforme nos tornamos mais amadurecidos espiritualmente, somos capazes de reconhecer a nossa cura e compreendermos aqueles que entram em nossa esfera para nos aproximarmos da integridade. Estes são os nossos mestres e eles nos introduzem a poderosas lições, cujo propósito sempre nos beneficia de alguma maneira, não importa quão desafiador ou doloroso seja o relacionamento. Quando escolhemos como queremos nos relacionar com os outros, equilibramo-nos interiormente e permanecemos ancorados em nosso desejo pela integridade, vemos os relacionamentos sob uma luz inteiramente diferente.

Então podemos definir intenções para os nossos relacionamentos e enquanto houver um propósito de cura, estamos conscientes disto e somos uma parte consciente da jornada de cura, plenamente conscientes do que precisamos e usamos a nossa energia de maneira focada e direcionada que faça com que os nossos relacionamentos nos aproximem da plenitude. Neste ponto nós sabemos que teremos a satisfação emocional que almejamos, a fim de que não nos esforcemos muito para criá-la e então ela virá até nós, sem esforço, envolta nos relacionamentos que nos dão o amor, a honra, o compromisso e a alegria que queremos, sem o drama e o trauma de expectativas não atendidas e o trabalho árduo de tentarmos atender às necessidades de outra pessoa para que ela responda, satisfazendo as nossas.

Direitos Autorais 2011 – Jennifer Hoffman – http://www.urielheals.com/
PAZ – YouTube -    http://www.youtube.com/watch?v=Zahm61d9XTo
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
enviado por Francisco Ulisses

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

SIMPLESMENTE ASSIM...


 

Conta-se que no século passado um turista americano, muito rico e grande empresário, foi à cidade de Nova Delhi, Índia, com o objetivo de visitar um famoso sábio que lá vivia.

Informou-se sobre o seu endereço e lá chegou com um carro Bentley alugado. Ao deparar-se com o homem ficou surpreso ao ver que o mesmo morava num quartinho muito simples, nos fundos de um quintal, com muitos livros.

As únicas peças de mobília eram uma cama, uma mesa e um banco.

- Onde estão seus móveis? Perguntou o turista.

- E o sábio, bem depressa olhou ao seu redor e perguntou também:  e onde estão os seus?

- Os meus?! Surpreendeu-se o turista. Estou aqui só de passagem!

- Eu também... - concluiu o sábio.

A vida na Terra é somente uma passagem...

No entanto, alguns vivem como se fossem ficar aqui eternamente e esquecem-se de ser felizes."

NÃO SOMOS SERES HUMANOS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA ESPIRITUAL;
SOMOS SERES ESPIRITUAIS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA HUMANA...

enviado por Pepita

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Perdão

"Ao perdoar uma pessoa,
abrimos mão de toda expectativa lançada sobre ele e, com isso,
trazemos de volta toda a nossa energia que com ele estava
– seja sob a forma de amor, mágoa, raiva ou desejo de vingança.
Ao liberar o outro, nos libertamos também."

Sonia Weil, enviado por Izabel

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

EDUARDO GALEANO, O DIREITO AO DELÍRIO


 

 

Que tal começarmos a exercer
O direito de sonhar?
Que tal se delirarmos um pouquinho?

No próximo milênio, o ar estará limpo
de todo veneno
O televisor deixará de ser
o membro mais importante da família
As pessoas trabalharão para viver,
em vez de viver para trabalhar.

Os economistas não chamarão
nível de vida o nível de consumo,
nem chamarão qualidade de vida
a quantidade de coisas.

Ninguém será considerado herói
ou tolo só porque faz aquilo que
acredita ser justo, em vez de fazer
aquilo que mais lhe convém.

A comida não será uma mercadoria,
nem a comunicação um negócio,
porque comida e comunicação
são direitos humanos.

A educação não será um privilégio
apenas de quem possa pagá-la.
A polícia não será a maldição daqueles
que não podem comprá-la.

A justiça e a liberdade,
irmãs siamesas
condenadas a viverem separadas,
voltarão a juntar-se, bem unidas
ombro com ombro.
E os desertos do mundo e os desertos
da alma serão reflorestados.

Eduardo Hughes Galeano
* Montevidéu, Uruguai – 03 Setembro 1940, enviado por Daniela

O FILME DOS ESPÍRITOS



No dia 07 de outubro de 2011, a Fundação Espírita André Luiz, levará as telas de cinema do Brasil, através da Paris Filmes, “O Filme dos Espíritos”, rodado em grande parte em São Paulo, conta ainda com filmagens em Cajazeiras/PB, e nas cidades paulistas de Atibaia, Araçoiaba da Serra e Ubatuba. No elenco Reinaldo Rodrigues, do grupo Tapa de Teatro e do Clube da Voz é o protagonista. Ao seu lado, estão Nelson Xavier, Etty Fraser, Ênio Gonçalves, Ana Rosa e Sandra Corveloni, Felipe Falanga e grande elenco. O filme conta ainda com participação especial de Luciana Gimenez.

Em linhas gerais, o filme contará a história de um homem, Bruno Alves, que, por volta dos 40 anos, perde a mulher e se vê completamente abalado. A perda do emprego se soma à sua profunda tristeza e o suicídio lhe parece a única saída. Nesse momento, ele entra em contato com O Livro dos Espíritos, obra basilar da doutrina espírita. Há também uma dedicatória no exemplar: “esta obra salvou-me a vida. Leia-a com atenção e tenha bom proveito.” A partir daí, o protagonista da história começa uma jornada de transformação interior rumo aos mistérios da vida espiritual.

A peça cinematográfica é uma homenagem ao querido codificador, e o livro base da Dourina Espírita “O Livro dos Espíritos”. É de grande importância,que sejamos abraçados neste ideal pelos nossos irmãos espíritas e espiritualistas. O filme toca de forma educativa e poética em temáticas de grande importância ao gênero humano, sensibilizando e levando as pessoas a reflexão.

As Casas Espíritas vêm transformando vidas ao longo de décadas. Nosso momento é de transição,  e a mensagem do Consolador deve tocar o maior número de pessoas. E o cinema apresenta condições de chegar a esses corações, despertando o interesse sobre o assunto, a leitura da obra, a resposta aos seus questionamentos, e principalmente, estimulando a visita as Casas Espíritas. Os espíritas por sua vez, podem indicar aos seus amigos, parentes, colegas de trabalho, simpatizantes, formando uma corrente do Bem.
Através de O filme dos espíritos,de um lado experimentaremos um avivamento das ideias cristãs nos corações sôfregos e de outro, os recursos obtidos com o êxito do filme patrocinará novas ações no terreno da divulgação espírita, pois serão revertidos às Casas André Luiz(apoio cultural) e a Fundação Espírita André Luiz .

O trailler oficial está no youtube http://www.youtube.com/OFilmeDosEspiritos

Divulguemos, apoiemos e participemos.

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Frases de Steve Jobs, em Stanford 2005


O legado de Steve Jobs vai além da Apple, da Pixar e dos produtos que ele ajudou a desenvolver. Famoso pela oratória, pela capacidade de síntese de ideias e pelo carisma em suas apresentações, Jobs deixa ainda uma coleção de afirmações polêmicas, frases visionárias e pensamentos que ajudaram a definir os rumos da tecnologia nos últimos anos.

“Às vezes a vida te bate com um tijolo na cabeça. Não perca a fé. Estou convencido de que a única coisa que me fez continuar foi que eu amava o que eu fazia. Você precisa encontrar o que você ama. E isso vale para o seu trabalho e para seus amores.Seu trabalho irá tomar uma grande parte da sua vida e o único meio de ficar satisfeito é fazer o que você acredita ser um grande trabalho. E o único meio de se fazer um grande trabalho é amando o que você faz. Caso você ainda não tenha encontrado[ o que gosta de fazer], continue procurando. Não pare. Do mesmo modo como todos os problemas do coração, você saberá quando encontrar. E, como em qualquer relacionamento longo, só fica melhor e melhor ao longo dos anos. Por isso, continue procurando até encontrar, não pare".

“Você não pode conectar os pontos olhando para a frente; você só pode conectar os pontos olhando para trás. Assim, você precisa acreditar que os pontos irão se conectar de alguma maneira no futuro. Você precisa acreditar em alguma coisa – na sua coragem, no seu destino, na sua vida, no karma, em qualquer coisa. Este pensamento nunca me deixou na mão, e fez toda a diferença na minha vida.”

“Lembrar que eu estarei morto em breve é a ferramenta mais importante que eu encontrei para me ajudar a fazer grandes escolhas na vida. Por que quase tudo – todas as expectativas externas, todo o orgulho, todo o medo de se envergonhar ou de errar – isto tudo cai diante da face da morte, restando apenas o que realmente é importante. Lembrar que você vai morrer é a melhor maneira para eu saber evitar em pensar que tenho algo a perder. Você já está nu. Não há razão para não seguir o seu coração.”

“Isto foi o mais perto que cheguei da morte e espero que seja o mais perto que eu chegue nas próximas décadas. Tendo passado por isso, posso dizer agora com mais certeza do que quando a morte era apenas um conceito intelectual: nnguém quer morrer. Até mesmo as pessoas que querem ir para o céu não querem morrer para ir para lá. Ainda, a morte é um destino que todos nós compartilhamos. Ninguém conseguiu escapar dela. E assim é como deve ser porque a morte é talvez a melhor invenção da vida. É o agente que faz a vida mudar. É eliminar o velho para dar espaço para o novo. Neste momento, o novo são vocês, mas algum dia não tão longe, vocês gradualmente serão o velho e darão espaço para o novo. Desculpa eu ser tão dramático, mas é a verdade”

“Seu tempo é limitado. Por isso, não perca tempo em viver a vida de outra pessoa. Não se prenda pelo dogma, que nada mais é do que viver pelos resultados das ideias de outras pessoas”

Tenha vontade, tenha juventude. Eu sempre desejei isso para mim. E agora, que vocês se formam para começar algo novo, eu desejo isso para vocês” – discurso durante formatura em Stanford, 2005.

http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2011/10/confira-frases-marcantes-do-co-fundador-da-apple-steve-jobs.html

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

O ENCONTRO COM O DIVINO


            Eu não sabia o que buscava, não tinha a menor idéia do que estava por acontecer. Não foi por acaso, pois sempre senti que um dia, minha vida se transformaria, que eu renasceria, e minha vida, até então, seria apenas uma sombra daquela que eu estava por viver.
            Tive uma vez uma visão: me vi tateando às cegas por um escuro caminho. Penosamente, vagarosamente eu me deslocava, tateando com as mãos e os pés cada pedaço do caminho mergulhado na escuridão. Ocorreu-me de levar as mãos aos olhos, e descobri que usava uma máscara de mergulhador, totalmente negra, e que esta era o motivo de minha cegueira.
            Acordei de minha visão, era assim que eu realmente me sentia, em meio ao breu, a tatear pela vida, a procura de enxergar a estrada do porvir. Até quando?
            Minha entrada para a Unipaz aplacava minha angústia. Emocionava-me a cada vez que lá estava, e tão intensamente me entregava, que passei a viver experiências inusitadas, de transcendência, de morte. Um dia percebi que estava vivendo uma experiência de cura, pessoal e profunda, sem mestre ou guru. Como se meu próprio Ser se encarregasse de cada momento a ser vivido. Vi-me nas mágicas mãos do destino, que com desvelo me cuidava. Senti-me fechar dentro de mim, como num casulo, e assim me vi a mexer em cada ferida da alma, camada por camada.
O fato de nem sempre eu estar trabalhando, por vezes me angustiava, mas desta vez, me senti grata e feliz por não precisar trabalhar por meu sustento, eu precisava deste tempo para mim, para viver esta singular experiência.
            Foi assim que a cada mês, a cada semana, a cada dia, eu sentia aproximar-se um momento especial, do qual eu não tinha idéia. Um momento de acordar, de nascer, e intensa era esta sensação, embora fosse silenciosa em meu coração.
            E este dia chegou, tão simples, tão profundo. Eu estava em casa, ouvia música e dançava meu CD favorito. Mais uma vez me emocionei, senti um amor profundo em minha alma, havia em mim liberdade, inteireza, amor, paz e uma profunda emoção. Quem é esta pessoa que assim se sente? Quem é esta mulher cheia de emoção e amor? A resposta era tão óbvia: “_ Esta sou eu!” Em tantos momentos mágicos eu assim me sentira, mas estes momentos passavam e eu não me identificava com eles, não sabia que representavam minha verdadeira realidade. Eu vivera toda minha vida me esquecendo de quem eu realmente sou! Agora eu estava diante de mim mesma, do Ser pleno, livre, amoroso e criativo que me habita, que habita a todos nós. A consciência de quem Eu sou, acabava de transformar minha existência, era por esse momento que eu estava aguardando por toda a minha vida. Simplesmente, o instante de vivenciar, conscientemente, minha realidade interior. Logo depois, eu peguei o livro que me acompanhava, em minha jornada, e a página que me aguardava é esta que adapto a seguir:

            “Quando o tempo não era conhecido, como hoje nós o conhecemos, houve uma centelha no coração de Deus. Desta centelha surgiram milhares de estrelas, e cada uma delas teve seu nome escrito pela palavra de Deus. Essas estrelas somos nós.
            No início não tínhamos forma, éramos totalmente livres e brincávamos de criar e tomar a forma que quiséssemos. Assim tomamos as formas das pedras e dos minerais, das plantas, das árvores e dos animais.
            De tanto brincar de tomar formas, passamos a nos identificar com elas, nasceu a sombra, e da sombra a dor. Aos poucos fomos nos esquecendo de que éramos luz e éramos livres, fomos nos esquecendo de nós mesmos...
            Um dia ouvimos um grito de dor vindo de algum lugar do espaço. Procuramos por este grito e encontramos um pequeno planeta azul e branco, que clamava por ajuda. Querendo ajudar, aspiramos uma pequena forma humana e nascemos dentro de mais ou menos nove meses.
            Ao nascer, ou mesmo antes disso, havíamos nos esquecido de quem éramos. Acabamos por nos identificar com a forma e com a dor que viemos curar.
            Mas a Luz que em nós habita sempre clamou por um dia emergir, e quando éramos crianças, em nossas fantasias e anseios desejamos curar uma dor no mundo, a nossa própria dor. Queríamos ser poetas ou curar todas as doenças do mundo. Queríamos cantar ou dançar, queríamos amar ao mundo todo, proteger cada bichinho e cada planta do planeta.
            Qualquer que fosse nossa fantasia ou anseio, ela está extremamente ligada à dor mais pungente que sentimos quando éramos crianças, a dor que ainda hoje experimentamos, talvez localizada em alguma parte de nosso corpo. A dor que carregamos ao longo de nossas existências.
            Mas trazemos em nós o potencial de curar esta dor que nos habita, esta dor que habita o mundo. Foi para isto que aqui um dia encarnamos, é para isto que estamos preparados.
            Falta apenas ser a Luz que somos. Pois esta Luz é nosso curador interno, esta Luz é, realmente, cada um de nós...”
            Este texto fala de mim mesma, do momento especial que eu acabara de vivenciar, fala de como eu me esquecera de mim mesma, de minha origem divina, celestial, fala da dor de encontrar este momento. Eu realmente não estava só, mas guiada por invisíveis mãos que colocavam as respostas de minha vida a minha frente.
Eu havia construído um outro eu, mais normal, mais prático, mais insensível e distante de minhas profundas emoções. Agora que sei quem realmente sou, eu desejo nunca mais me esquecer. Quero para sempre carregar em meu coração esta emoção, quero trazer para todos os meus dias a luz que em mim jazia adormecida e que agora acorda para me trazer a vida que sempre intuí.
            E se dou agora este testemunho, é para dizer que esta viagem não é fantasia, é real, mas é preciso vivê-la. Este caminho interior que trilhei, é um caminho sem volta para todos aqueles que nele se aventurarem. É um caminho infinito, pois infinita é a alma humana, infinita como Deus, infinita como o Universo...
            Sinto-me hoje diferente. Sinto que em mim alguma coisa profunda mudou. Compreendo agora minha dor, vivida em tantas existências humanas. Compreendo agora meus anseios de criança. É como se um grande quebra-cabeça se fechasse. Tantas coisas fazem sentido em minha vida, tudo que eu vivi, tudo que senti, tantos sonhos...
Na noite seguinte, tive uma linda visão: vi-me diante de um caminho sinuoso, circundado por alta cerca viva, que dava vista para um jardim, logo adiante. Neste caminho, dezenas de pequenas borboletas azuis, cintilantes, voavam a minha frente. Eu já não mais tateava às cegas o caminho, a venda de meus olhos caíra. Conscientemente, posso trilhar meu caminho, a consciência de minha Luz ilumina meu porvir.

            Todos nós vivemos o encontro com o divino, muitas vezes em nossas vidas, diante da beleza da natureza, diante da delicadeza de uma criança, em um encontro de motivações espirituais, diante de um grande amor. São momentos em que nos emocionamos e nos deparamos com o inesgotável manancial de amor que possuímos, quando já não mais nos sentimos separados da natureza e da humanidade que nos cerca. Quando nos sentimos unos com o universo e todas as suas criações. Neste momento sentimos que estamos a adentrar uma outra dimensão, uma dimensão profunda e plena de amor e luz. Não nos identificamos neste encontro, este momento passa, e se torna uma lembrança de êxtase e mistério em nossa vida, até que possamos entender que este êxtase é nossa verdadeira realidade, o outro eu, que mora neste mundo, é apenas a personalidade que criamos para viver, fugindo do medo e da dor. Reencontrar a Luz que somos é o retorno à casa do Pai, o retorno a nossa origem celestial, ao nosso verdadeiro Eu, nossa face Divina.

            Este é o momento que tanto aguardávamos, após nossa longa viagem de alguns milhares de anos... Estamos diante do tesouro pelo qual procuramos algures, o qual somente encontramos em nosso coração, a nossa Estrela, a nossa Luz que nos ilumina. Chegamos ao vasto mar no qual agora mergulhamos: o mar de amar, o mar de Ser, o mar de Deus...
         Somos outros homens, outras mulheres! Ungidos, abençoados na alma, como que beijados por um anjo! Nunca mais nossa vida será a mesma, temos todos um único destino, o destino de ser Luz sobre a Terra, e doravante, despertar a Luz no mundo!

Do livro De Volta à Casa do Pai, Ana Liliam

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Psicologia Transpessoal

A psicologia transpessoal é uma abordagem da Psicologia, considerada por Abraham Maslow (1908-1970) como a "quarta força", sendo a primeira força a Psicanálise, seguida do comportamentalismo, e do Humanismo. Surgiu em 1967 junto aos movimentos New Age nos EUA, pelo pensamento de Maslow, que dizia que o ser humano necessitava transcender sua Psique, conectando-se a outras realidades, procurando pela Verdade, de forma a entender sua existência e ajudar a si próprio.
Como vem acontecendo com relação à psicologia analítica, também a transpessoal tem construído um diálogo produtivo com a física moderna e contemporânea, especialmente na busca da compreensão dos fenômenos que violam princípios energéticos e temporais, e que são estudados na linha de pesquisa Física e Psicologia. Com isso a psicologia transpessoal amplia gradualmente seu campo de ação, e hoje se pode encontrar educadores, biólogos, filósofos, odontólogos e outros profissionais envolvidos em estudos e pesquisas desta abordagem.

Aspectos Principais



A Psicologia Transpessoal vê o homem como um todo, composto de corpo, alma e espírito, capaz de escolhas, capaz de transcender o limite físico do corpo, viajando fora do Espaço-tempo das teorias cartesianas de Newton, já ultrapassadas pelas teorias Quânticas e Relativas da física. Aliás, é a união destas teorias com a psicologia, que já foram estudadas, anteriormente, por Carl G. Jung, que dá a base para a Psicologia Transpessoal como Ciência.
Jung já escrevia em seus textos sobre a qualidade física da mente, citando a "energia da mente", os símbolos que canalizam esta energia e algo que liga a mente, como uma "central", mas que ele mesmo não soube explicar perfeitamente. Estudos científicos tentam encontrar estes conceitos na natureza, de uma forma a "cientificar" a idéia religiosa do Panteísmo, através da Física Quântica.
A Psicologia Transpessoal aceita especialmente estes preceitos, e adiciona a capacidade do ser humano de alterar os estados da consciência, para alcançar uma dimensão diferente da normal (vigília) chamada comumente de "Consciente".

Conceitos Básicos

·         Tudo está ligado através de uma rede de inter-relações, de caracter não material, que está em harmonia; o Todo integrado. Uma analogia interessante quanto a isso vem da física, com a não-localidade, como estudado por David Bohm e John Bell.
·         Estuda os estados conscientes de uma forma geral, e se detém no estado alterado de consciência chamado Transpessoal.
·         O homem é um todo, e não suas partes estudadas separadamente. Este conceito é tomado emprestado da Gestalt: "O todo é mais que a soma de suas partes".
·         Por isto, é uma ciência holística, e transdisciplinar, que abrange muitas teorias, tais como a Física, a Biologia, a Linguística, a Antropologia, a Sociologia, a Neurologia, entre outras.
·         É uma ciência, e não magia ou religião, isto abordaremos a seguir.
·         Além dos cinco sentidos (que são sintetizados em cinco, já que, na verdade, o ser humano beira os 30 sentidos, já estudados pela ciência), o homem pode entrar em contato com outras dimensões através de exercícios de alteração de consciência.
·         A consciência é não-material e, portanto, indestrutível, permanecendo antes da vida e após a morte. OBS: não confundir com reencarnação e outros conceitos religiosos.
·         A hipnose, por ser um estado alterado de consciência também é usada, mas em consenso entre o cliente e o terapeuta.

Níveis de consciência
1) A sombra - aqui o homem têm seu Self distorcido, ele aliena várias porções da Psiquê em detrimento de alguma que causa incongruência. É um nível negativo e patológico.
2) Ego - é o nível superficial da consciência, onde o homem se identifica com uma imagem criada, seu self indivídual, sem se interessar profundamente em questões sociais ou ecológicas, ou seja, pensando em si próprio.
3) Biossocial - neste nível o homem tende a ter uma preocupação com o outro, enxergando também o que o rodeia. Ele aceita uma responsabilidade perante os outros, e pelo ambiente natural.
4) Existencial - o homem encontra, neste nível, a ligação entre corpo/mente, que tende a auto-organização, é ligado a um alto grau de desenvolvimente e auto-atualização. É o grau perfeito para a filosofia e o humanismo. Emoção e razão se unem para o crescimento.
5) Transpessoal - este é o nível que esta escola estuda, é o nível mais profundo que, hoje em dia, consegue-se chegar. É um nível aproximado das experiências místicas, onde tudo está imerso no todo, o Tao, como uma gota d'água no oceano, mas não de uma forma linear, cartesiana. Os limites do Ego são ultrapassados. É possível entrar em contato com o inconsciente coletivo, entre outros fenômenos relacionados. Há quem diga que é possível fenômenos como precognição e telepatia, mas estes não são considerados comuns ou científicos, pois estão dentro da parapsicologia, mas ainda assim são válidos dentro da teoria.
Obs: Tao significa, traduzindo literalmente, o caminho, mas é um conceito que só pode ser apreendido por intuição.
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre, pesquisado e enviado por Maria Teresa.
Related Posts with Thumbnails