sábado, 23 de fevereiro de 2013

Mistérios Desvelados



 - EXERCICIO - 01
Ensinamento do Mestre Saint Germain

Disciplina para Libertar e Expressar a Verdadeira Sabedoria e Manifestar Toda Perfeição
“O indivíduo, pelo auto-domínio da consciência externa, deve esforçar-se por se elevar acima dessa
condição, pelo seu próprio esforço, a fim de transcender a essas limitações permanentemente,
e ninguém pode ter esperança de libertar sua vida e seu mundo da miséria, da discórdia e da
destruição, enquanto não refrear os próprios pensamentos e sentimentos. Deste modo ele recusa
deixar a Vida — que flui através da mente e do corpo — vir a ser qualificada pela discórdia resultante
de cada pequena ocorrência perturbadora no mundo que o cerca.”

“A princípio, essa disciplina requer esforços tenazes e contínuos, porque os pensamentos e os
sentimentos de noventa e cinco por cento da humanidade correm tão descontrolados e livres como
“Entretanto, não importa quanto esforço seja necessário para trazer essas duas atividades a um
controle absoluto; esse objetivo é de máxima importância e vale a pena que se dedique toda a
energia, esforço e tempo e nenhum domínio real e permanente da Vida e do mundo pode resultar
sem ele. Será prazer e privilégio para eu ensinar-vos o emprego dessas LEIS SUPERIORES. O
uso e a aplicação delas vos permitirá libertar e expressar a verdadeira Sabedoria e manifestar Toda

1. “O primeiro passo para o controle de si mesmo é a quietação de toda atividade externa, tanto da
mente como do corpo. Quinze a trinta minutos, à noite antes de dormir e pela manhã antes de começar
o trabalho diário, de prática do exercício que se segue, causará prodígios em quem quer que o faça

2. “O segundo passo consiste em certificar-vos de que não sereis perturbados, e depois de vos
tornardes perfeitamente tranquilos, imaginai e senti vosso corpo envolvido em uma resplandecente
Luz Branca. Durante os primeiros cinco minutos de concentração nesse quadro, reconhecei e senti
intensamente a ligação do eu exterior e Vosso Poderoso Deus Interior, focalizando a atenção no centro
do coração, visualizando-o como um Sol Dourado.”

3. “O passo seguinte é o reconhecimento: ‘Eu agora aceito alegremente a plenitude da Poderosa
Presença de Deus - o Cristo Puro’. Sinta o grande brilho da Luz e intensificai-A em cada célula de vosso
corpo durante, no mínimo, dez minutos.”

4. “Encerrai então a meditação pelo comando: ‘EU SOU UM FILHO DA LUZ – EU AMO A LUZ – EU SIRVO A
LUZ – EU VIVO NA LUZ – EU SOU PROTEGIDO, ILUMINADO, SUPRIDO, SUSTENTADO PELA LUZ E EU ABENÇÔO

“Lembrai-vos sempre: Nós nos tornamos naquilo em que meditamos e uma vez que todas as coisas
vieram da ‘Luz’, ‘Luz’ é a Suprema Perfeição e o Controle de todas as coisas.”

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails