terça-feira, 30 de dezembro de 2014

MOSTRE-SE, ASSUMA-SE E AVANCE!- 23/12/14


astrology of 2015, Uranus square Pluto, Venus retrograde, Saturn in Sagittarius, Saturn square Neptune, North Node in Virgo, Age of Aquarius, deep truth, conscious evolution
Publicado em dezembro 29, 2014

(Relatório da Energia Astrológica de 2015)

Sarah Varcas, 23/12/2014

Fonte: http://astro-awakenings.co.uk/2015-astro-energy-report

O ano 2015 caracteriza-se por uma energia marcadamente diferente da “norma” dos três últimos anos. A quadratura Urano/Plutão, que começou em 2012, chega ao fim em 2015, depois de nos fazer sentir intensamente os efeitos de sua presença. Vidas foram viradas de cabeça para baixo, pontos de vista mudaram para sempre, circunstâncias se reformularam a ponto de ficarem irreconhecíveis. Perdemos coisas, pessoas e lugares que pensávamos serem imprescindíveis à nossa vida e descobrimos novos modos de ser que acreditávamos jamais serem possíveis. Algumas pessoas foram tocadas mais profundamente do que outras. Algumas, de um modo extremamente positivo. Outras enfrentaram o que lhes pareceu uma devastação. Em termos muito básicos, Urano é a mudança repentina e inevitável, enquanto Plutão é o poder destrutivo e/ou criativo. Quando estes dois trabalham juntos, choques e surpresas estão garantidos, assim como o renascimento das cinzas da destruição e a possibilidade de uma nova vida, se enfrentarmos o desafio e nos empenharmos em cavalgar as ondas e ver aonde finalmente chegaremos para descansar.

No primeiro semestre de 2015, muitos descobrirão onde estão agora, depois de tantos meses de luta para manter a cabeça acima d’água. Terra seca novamente e luz do dia para enxergar o terreno! Vai ser tentador olhar para trás para tudo o que aconteceu e se refletiu nas reviravoltas que nos trouxeram a este lugar. Refletir é bom, mas é melhor evitar entregar-se à nostalgia ou melancolia por coisas passadas, pois há muito a ser feito agora. O que passou, passou e, embora possivelmente ainda estejamos mergulhados no processo de ajustamento, tristeza ou cicatrização dos ferimentos sofridos, é importante nos mantermos conscientes do que fazemos com a nossa atenção, onde a deixamos se assentar e por quê. O futuro nos aguarda e o presente é abundante em potencial. Gastar energia demais com o passado, de maneira que não nos leve a emergir em plenitude, é desperdiçar energia num momento em que não podemos nos dar a esse luxo. O ano que vem nos desafia a usar cada grama de energia para promover o nosso despertar coletivo e não para nos ninar de volta a um estado de inconsciência, simplesmente porque isto é mais fácil.

No dia 18 de fevereiro (GMT), teremos uma importante Lua Nova, exatamente no limite entre Aquário e Peixes. Será uma Lua Negra (a segunda Lua Nova em um mês solar) e, ao mesmo tempo, uma Super Lua (embora não a mais poderosa Super Lua do ano; teremos que esperar até setembro por essa!). Depois de passarmos as últimas semanas acomodando-nos ao nosso novo terreno, teremos agora a oportunidade de decidir o que desejamos fazer com este ano. Esse será um ótimo momento para nos comprometermos com novos começos, mas precisamos nos certificar de que sejam suficientemente novos para serem dignos dessa energia especialmente poderosa. Olhem para trás, para a Super Lua de 10 de agosto de 2014 e lá encontrarão as sementes do momento presente. Os ajustes e alterações necessários naquela ocasião vão começar a dar frutos de agora em diante, na medida em que nos comprometemos a incorporá-los como uma parte viva de quem nós somos, e não apenas como um rótulo para usarmos quando nos sentirmos suficientemente motivados a ser diferentes por um tempo! Daí a necessidade de os atuais novos começos serem realmente novos e não simplesmente uma repetição dos compromissos assumidos no passado, mas nunca cumpridos. O cosmos exige inovação profundamente criativa neste momento. Se realmente quisermos fazer a nossa parte pela evolução deste planeta, pelo nascimento da Era Aquariana, então eis aqui a nossa chance de nos mostrarmos, nos assumirmos e avançarmos, sem restrições!

Em meados de março teremos a última quadratura exata Urano/Plutão, antes que este alinhamento comece a se desfazer à medida que o ano progride. Nos últimos anos, tantas coisas foram escritas por tantas pessoas a respeito deste aspecto, que muito pouco ficou por dizer! Entretanto, desta vez Júpiter acrescentará seu valor a essa combinação, lembrando-nos que a conscientização do eu e do espírito requer aceitação completa, tanto do reino físico quanto do reino imaterial. Precisamos abraçar tudo para nos tornarmos inteiros. Não há nenhuma necessidade de rejeitar ou se desconectar de um nível de experiência em favor de outro. Qualquer crença que ainda conservemos que iguale espiritualizado a especial, raro, supersensível e sensitivo será duramente contestada por este alinhamento final entre Urano e Plutão, pois eles exigem que reconheçamos “espiritualizado” simplesmente como ser consciente do todo: do físico, mental, emocional e espiritual. Ser espiritualizado é ser inteiro – pura e simplesmente. Quando estivermos despertos para esta verdade, nós seremos o que somos: uma força da natureza, um ponto de percepção, o universo despertando para a sua própria presença. Quando conseguirmos incorporar o espírito na nossa forma material, ancorar verdades multidimensionais em nossa vida diária, reconhecer o campo unificado de energia que conecta a todos nós e reafirmar, a cada momento, nosso compromisso de conhecer estas verdades cada vez mais profundamente, então seremos espiritualizados. E não teremos nenhuma necessidade de rótulo nem identidade, reconhecimento nem elogios por sermos assim, porque a vida – que é tudo o que somos – não precisa de nada além de seguir sua própria natureza.

Um eclipse solar no último grau do zodíaco, poucos dias depois da quadratura final entre Urano e Plutão, deixará claro que alguma coisa terminou agora – caso ainda não o tenhamos percebido. Se ainda estivermos nos agarrando aos vestígios do que fomos um dia, a uma velha identidade que pensávamos ser nossa para sempre, a amores ou estilos de vida passados, está na hora de finalmente liberarmos tudo isso e seguirmos adiante.

Um eclipse lunar em Libra no dia 4 de abril levantará a questão dos relacionamentos e seu papel de espelho voltado para o nosso eu interior. O modo que lidamos com nossa própria individuação e independência, que satisfazemos nossa necessidade de segurança e garantias, que percebemos subjetivamente os outros, tudo isto será realçado nesse momento; e a disposição de reconhecer a saúde de nossos relacionamentos mais importantes como um reflexo do nosso próprio bem-estar será recompensada com insights e revelações.

Em meados de maio, o asteróide Juno estará em conjunção com Júpiter, simbolizando o casamento sagrado entre o divino masculino e o divino feminino, a união dos opostos através da qual é gerado um terceiro estado independente de ambos. Nesse momento, poderemos ter a experiência direta do que significa ser totalmente auto-suficiente e, ao mesmo tempo, completamente uno com outro. Poderemos oferecer tudo de nós aos relacionamentos, enquanto, ao mesmo tempo, retemos tudo para nós mesmos. Tais paradoxos serão esclarecidos na disposição de não assumirmos uma atitude de “isto ou aquilo”, “separado ou fundido”, mas de enxergarmos além, num estado de ser em que podemos abrir mão do nosso (pequeno) eu enquanto conservamos o nosso Eu (divino), sabendo que nada pode diminuir este último.

Vênus estacionará retrógrado no primeiro grau de Virgem em 25 de julho (GMT) e viajará retrógrado através de Leão até 6 de setembro, voltando finalmente a Virgem em outubro. Este será um ciclo de “quase lá, mas não tanto”. A deusa do amor nos lembra que o amor do eu é divinamente ordenado e, ao mesmo tempo, um truque do ego. É vital discernir entre os dois. E a passagem retrógrada de Vênus através de Leão nos oferecerá a chance de fazer exatamente isto antes de nos acomodarmos em Virgem, e relembrará (citando a Primeira Carta de João do Novo Testamento) que “primeiro nós fomos amados”. Vênus em Virgem nos lembra que o amor é o nosso estado natural, o alento que anima todas as coisas, e que qualquer dificuldade que tenhamos para aceitar ou entender isto realça uma concepção errônea a respeito de sua verdadeira natureza – uma concepção errônea que deverá ser esclarecida no decorrer do ano. Por volta do final de 2015 é muito provável que saibamos, mais profundamente do que nunca antes, que o amor está longe de ser corações, flores, doçura e luz, como achávamos que fosse, mas – ao contrário – é uma força poderosa que pode trazer até as coisas mais fraturadas e quebradas de volta a um estado de inteireza, não importa o que aconteça.

Em setembro, Saturno dará seu adeus final a Escorpião ao se estabelecer em Sagitário pelos próximos dois anos. Momento para viver as verdades que vieram à tona com toda a busca da alma exigida por sua jornada através de Escorpião nos últimos três anos! Como Júpiter, regente de Sagitário, deixou claro em março no fim da quadratura Urano/Plutão, a verdade é redundante se não a incorporarmos e respeitarmos nas minúcias do nosso dia-a-dia. Saturno em Sagitário nos lembra que a espiritualidade sutil, que exige condições especiais para existir, é um pretexto hoje em dia. Devemos ser capazes de viver a verdade espiritual em meio ao mundano, e não passar nossos dias esperando por aquele momento em que poderemos ir para outro lugar e ser espiritual de novo. Toda e qualquer ideia de que “espiritual é igual a especial” será repetidamente desafiada por Saturno nos próximos dois anos. Nossa tarefa é reconhecer que espiritual não é um rótulo que nos distingue da multidão, mas sim um aspecto da existência humana que qualquer um pode optar por reconhecer a qualquer momento. A mente egóica vai brincar com estas coisas, transformando “espiritualizado” numa conquista ou designação de superioridade, mas não é nenhuma das duas. Espiritual simplesmente é. E cada um de nós é isto: espírito feito carne, humano e divino, em todos os momentos de todos os dias.

A chegada de Saturno em Sagitário estará ensanduichada entre um eclipse solar em Virgem, no dia 13 (GMT) e uma Super Lua e eclipse lunar em Áries no dia 28 (GMT), marcando setembro como um mês de grandes influências. O eclipse solar enfatizará as energias primárias que fluem através de nós e a necessidade de domesticá-las, de não suprimi-las ou evitá-las, mas aproveitá-las e aplicá-las com sabedoria e presença. Se lhes permitirmos reinar totalmente sem usar de sabedoria, poderemos criar situações que impeçam o fluxo natural da nossa vida, bloqueiem o progresso ou destruam as coisas que valorizamos. O fato de estarmos conscientes destas energias e criarmos intimidade com elas, reconhecendo que tanto podemos ser ferozmente compassivos quanto cegamente egoístas, tanto pacíficos e amorosos quanto enraivecidos, tanto esperançosos quanto desesperados, nos capacitará a aceitar a nós mesmos como somos e a resolver ser o mais autênticos e honestos possível. Isto exige sabedoria e fortaleza, uma disposição para sermos, ao mesmo tempo, vulneráveis e poderosos, autoconfiantes e extremamente conscientes da nossa própria insignificância neste vasto universo que chamamos de lar. As energias desse mês nos desafiarão a estar o mais despertos que pudermos, para que, ao chegar o eclipse lunar, possamos consolidar o que isto significa em termos da nossa vida cotidiana, reconhecendo a crescente necessidade de mais e mais pessoas se disporem a fazer o que for preciso e caminhar a milha extra para o nascimento da florescente Era Aquariana, à beira da qual nos encontramos agora.

O último trimestre de 2015 verá o advento do próximo alinhamento importante para assumir a brecha deixada pela dissolução da quadratura Urano/Plutão no início desse ano. Desta vez teremos Saturno em quadratura com Netuno, sinalizando a fase final de um ciclo de 36 anos, que começou em 1989. Este aspecto continuará por todo o ano de 2016, mas primeiro fará um alinhamento exato no fim de novembro de 2015. Aqui encontraremos a tensão entre verdade e dogma, realidade e ilusão, compromisso e irresponsabilidade, isolamento e unidade. Crenças sofrerão pressão: Será que resistem à análise? Será que se mantêm em face da experiência? Será que são verdadeiras ou apenas confortadoras?

No decorrer desse alinhamento, todos nós teremos que olhar de frente para os aspectos de nossas vidas onde somos mais dogmáticos e aceitar que aquilo que gostaríamos que fosse claro e certo, irrefutável e, portanto, verdadeiro, pode ser tudo menos isso. Nesse ponto do ano, todos estaremos embarcando numa viagem de auto-descoberta, onde poderemos ver ícones derrubados e heróis depostos; mas que acabará nos levando de volta a nós mesmos, ao espaço tranquilo e silencioso de um coração que conhece a verdade tão profundamente que nenhum dogma ou argumento se faz necessário. O Nodo Norte nos ajudará na busca pela verdade final, enquanto novembro de 2015 o verá mover-se para Virgem pelos próximos dezoito meses.

Assim ficará definido o tema para 2016, enquanto 2015 chega ao fim: a verdade em todas as suas formas, a natureza da perfeição e o quanto cada momento é realmente perfeito, independentemente do que pensamos ou sentimos a respeito dele.

Direitos Autorais:

©Sarah Varcas

Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

SIGA SUA INTUIÇÃO E ESTARÁ SEMPRE DIVINAMENTE GUIADO


Que possamos acreditar no Amor! Este é meu desejo de Natal para todos!

SIGA SUA INTUIÇÃO E ESTARÁ SEMPRE
DIVINAMENTE GUIADO
Saul
Canal: John Smallman
17.12.2014


O progresso da Humanidade, rumo ao despertar tem sido fenomenal nos últimos dois
 ou três anos, embora, regularmente ludibriados pelos principais meios de comunicações,
com suas mensagens de caos e desastres, possam achar difícil acreditar que seja assim.

Todavia, lembrem-se de que tudo é parte da ilusão, em que estão incansavelmente
 trabalhando para dissolvê-la, através do poder de seus pensamentos, palavras e atos
amorosos.

O Amor conquista tudo em seu caminho, gentil e irresistivelmente, e isso é o que estão
 fazendo, na medida em que, firme e constantemente, se envolvem com o campo de
Amor que os rodeia efetivamente, dissolvendo tudo o que não esteja em alinhamento
com ele.

Escolheram uma encarnação terrena como seres humanos, em particular nesta vida,
porque tão carinhosamente queriam ajudar de forma muito poderosa, o quanto
possivelmente poderiam, neste processo de despertar da humanidade.

Entretanto, é claro que quando entraram na ilusão, encarnados como seres humanos,
também entraram num estado de amnésia.

Mas, profundamente dentro de cada um, sabem que tem um propósito divino
essencial no grande esquema divino, onde muitos procuram ajuda para encontrar
uma finalidade nesse envolvimento com a ilusão – através de seminários de vários
tipos, seguindo gurus, sábios ou seguindo uma prática recomendada em que esperam
 encontrar as respostas definitivas para todas as suas preocupações e ansiedades.

No entanto, a única maneira de encontrarem seus propósitos, será pelo pleno
envolvimento com o Amor. Se fizerem apenas isso, suas preocupações cairão.

Embora ainda tenham que lidar com a vida na ilusão, que continuará a presenteá-los
com seus problemas, ao invés de se preocupar e ficarem ansiosos e estressados,
serão capazes de lidar com eles de uma forma intuitivamente guiada pelo Amor
que flui abundantemente do núcleo central de seu seres, amorosamente
 assistidos por aqueles nos reinos espirituais que clamarem.

Existe um ditado conhecido que diz: "um problema não pode ser resolvido no
mesmo nível do pensamento que o criou" e, tentar resolver o insolúvel dentro
da ilusão - guerras, doenças, pobreza, etc. - não funciona, porque todas as
tentativas, mesmo as bem intencionadas, se destinam mantê-los no nível da ilusão.

O Amor é tudo que existe na Realidade que está muito além da ilusão. Ele 
chega até vocês, ou, se preferirem, atinge o pesadelo onde parecem estar
 presos para abraçar e despertá-los.

Um número enorme de pessoas está ciente disso num nível profundo, sendo
por isso, que estão procurando um modo melhor de vida, que honre a toda
a humanidade, mas que, por causa da força de convicção, necessária para
ver a irrealidade da ilusão, fica extremamente difícil verdadeiramente
 acreditar que o Amor vá resolver todos os problemas da humanidade.

No entanto, profundamente dentro de cada um, sabem que o Amor é a resposta.

Todo dia, a toda hora, ou mesmo, durante seu tempo de quietude em seus
sagrados santuários interiores, façam um propósito de com a intenção de
estarem cientes do campo divino do Amor em que estão, tão terna e
amorosamente, envolvidos.

Quando fazem essa intenção, sem querer saber se é verdadeira e sem tentar
fazer uma avaliação lógica da sua eficácia, como – o que estou realmente
sentindo é Amor? - sabem que instantaneamente o campo responde,
porque essa é a sua finalidade.

No entanto, seus egos são muito bem treinados para ridicularizar ou descartar
todas as sensações amorosas que experimenta e qualquer sensação que sinta
estar, de fato, garantindo que estão de uma forma real e calorosamente
envolvidos pelo abraço divino, seus egos tentarão convencê-los de que estão
apenas imaginando essas sensações, ou que estejam sofrendo de alucinações
e precisando desesperadamente de ajuda psiquiátrica.

Quando suas mentes lógicas dizem que 'estão imaginando essas sensações' e
suas intuições lhes dizem que são válidas, sigam suas intuições, que estarão
sempre divinamente guiados com sua fala muito calma, enquanto suas
mentes egoístas, logicamente farão tudo ao seu alcance para distraí-los, de
modo que não possam ouvir aquela tranquila e amorosa voz interior, que
nunca irá conduzi-lo ao erro.

A voz do ego sempre pode ser identificada, porque preenche sua mente, sua
consciência, com um fluxo constante de preocupação e ansiedade de
pensamentos "e se", ao passo que sua intuição é sempre calma, gentil e
reconfortante. O problema é que a voz do ego é alta e, quando estão
preocupados ou ansiosos, é muito difícil para relaxar e ouvirem a tranquila
voz interior da sabedoria.

A maioria de vocês já teve a experiência de reagir espontaneamente, às vezes,
com raiva intensa, quando alguém empurrou seus botões. Então, talvez mais
tarde, tenha se arrependido e se lembrado de ter tido, naquele momento, a
sensação de que a reação de raiva que teve o envolveu, parecendo estar
controlando-o naquele momento, tornando-se imprudente, na melhor das
hipóteses e, na pior, cometendo um erro terrível.

Como diz o velho ditado: "quem reage às pressas, arrepende-se à vontade".

Uma das principais lições que todos os humanos que estão na Terra têm
para aprender é a moderação. Todavia, estão programados desde muito
cedo na vida de que existem perigos, aos quais precisam reagir muito
rapidamente, se quiserem evitar dor e sofrimento. Para os bebês humanos,
inicialmente, esta programação é muito útil.

Entretanto, na medida em que crescem em seu poder, tornando-se maiores
 e mais fortes do que os mais jovens ou menores que eles, pode ser muito
atraente usarem de seus poderes para aumentar seu senso de autoestima
 - inadequado quando crescem, em relação a outros adultos ou figuras de
autoridade - assustando, intimidando ou sofrendo.

Dar-lhes "uma corrida", traz um sentimento de invencibilidade muito
gratificante, onde o perigo é que este comportamento irá se tornar viciante.

Se sua educação foi abusiva, podem nunca ter te visto ou experimentado
comportamento adulto sábio e, por isso, aprendido a confiar em si mesmos,
nunca confiando em ninguém, a fim de garantirem suas sobrevivências.

No entanto, depois de terem um caminho espiritual de crescimento, como
todos escolheram, precisam se afastar de suas crenças na força e compulsão
como meios de sobrevivência. Se ainda estiverem habitando um ambiente
onde a coexistência pacífica não seja uma opção, então, provavelmente
precisam se afastar.

Se todos na Terra que vivem num ambiente de violência, ódio e opressão
se recusarem a se envolver e, em vez disso se afastarem, logo a violência
iria rapidamente decair, na medida em que aqueles dispostos a lutar, ou à
procura de uma luta, iriam encontrar-se seriamente com falta de opositores.

Mas este é um ambiente ilusório e, em nível de ilusão, estes problemas não
podem ser resolvidos, porque os envolvidos não desejam retirar-se, pois
sabem que estão no seu direito e têm uma intensa necessidade de provarem
para si e para outros. E muitos dos que poderiam se afastar, por inúmeras
razões, são incapazes de fazê-lo.

E isso nos leva de volta para a tarefa em mãos, tarefa que vocês, como
Trabalhadores e Portadores de Luz se comprometeram tão corajosa e
amorosamente.

Essa tarefa é ser Amor, que na verdade é o que são e demonstrando
constantemente em suas vidas diárias. Sabem que é por isso que estão na
Terra, que encarnaram para cumprir esta tarefa divina e que têm ajuda sem
precedentes de todos nós nos reinos espirituais.

Não podem falhar, porque estão divinamente apoiados em todos os
momentos. Por isso não cairão na linha de raciocínio, que sugere que,
para a humanidade civilizada sobreviver - é interessante julgar quem é
civilizado – se maior e melhor poderio militar e agências de inteligência
que precisam ser financiados e apoiados.

E é claro que não cairão nessa linha de raciocínio, porque está provado,
além de qualquer dúvida, que este critério é totalmente falso.

Sejam Amor, compartilhem esse Amor e assistam com alegria, como
aqueles a seus arredores farão o mesmo. Grandes mudanças estão em
andamento, levando-os irresistivelmente para frente, ao inevitável
despertar.

Com muito Amor,

Saul

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/12/saul-siga-sua-intuicao-e-
estara-sempre.html
Fonte: http://johnsmallman.wordpress.com/
Tradução: Sementes das Estrelas / Candido Pedro Jorge

domingo, 30 de novembro de 2014

ECKHART TOLLE - 20 PENSAMENTOS QUE PODEM MUDAR A SUA VIDA




“As pessoas não percebem que agora é tudo o que é, não existe passado ou futuro exceto como uma memória ou antecipação em nossas mentes” ~ Eckhart Tolle ~

1) O momento presente é a coisa mais preciosa que existe

As pessoas não percebem que agora é tudo o que é, não existe passado ou futuro exceto como uma memória ou antecipação em nossas mentes.

O passado te dá uma identidade e o futuro mantém a promessa de salvação ou de preenchimento na forma que for. Em ambos os casos o que temos é ilusório.

O tempo não é precioso de maneira alguma, porque é uma ilusão. O que você percebe como precioso não é o tempo mas o único ponto que está além do tempo: agora. Isto é de fato precioso. Quanto mais você estiver focado no tempo — passado ou futuro — mais você vai perder o agora, a coisa mais preciosa que existe.

Não deixe um mundo doente dizer pra você ter sucesso em outra coisa que esteja além do momento presente.

A maioria das pessoas nunca está presente completamente no agora, porque inconscientemente as pessoas acreditam que o próximo momento deve ser mais importante do que este. Mas assim você perde a vida inteira, que nunca é não-agora.

Assim que você começar a honrar o momento presente, toda a infelicidade e luta se dissolve e a vida começa a fluir com contentamento e facilidade. Quando você age a partir da consciência do momento presente, o que quer que você faça fica imbuído com um sentimento de qualidade, cuidado e amor — mesmo a mais simples ação.

2) Aonde você estiver, esteja totalmente presente

Aonde você estiver, esteja totalmente presente. Se você acredita que o aqui e o agora são intoleráveis e te trazem infelicidade, você tem três opções: retirar-se da situação, mudar a situação ou aceitá-la totalmente. Se você quer ser responsável por sua vida, você deve escolher uma dessas três opções, você deve escolher agora. Então aceite as consequências.

3) Sempre diga sim para o momento presente
A aceitação pode parecer um estado passivo, mas na realidade ela traz algo inteiramente novo para este mundo. Esta paz, esta vivência, é consciência.

Aceite — depois aja. O que quer este momento presente contenha, aceite como se você tivesse escolhido. Sempre trabalhe com o momento e não contra o momento.

Sempre diga sim para o momento presente. O que pode ser mais fútil, mais insano do que criar uma resistência interna ao que já é? O que poderia ser mais insensato do que se opor à vida ela mesma, que é agora e sempre agora? Se renda. Diga sim para vida — e veja como a vida instantaneamente começa trabalhar para você ao invés de contra você.

4) Não leve a vida tão a sério

A vida não é tão séria como sua mente pode te fazer acreditar.

5) Quanto mais você se ligar às coisas de uma maneira negativa, mais obcecada com as coisas negativas sua mente vai se tornar

As pessoas tendem a focar mais nas coisas negativas do que nas coisas positivas.
Então a sua mente se torna algo obcecado com as coisas negativas, com preconceitos.
Culpa e ansiedade são produzidas por pensamentos a respeito do futuro e por aí vai.

6) Quando você reclama, você se coloca no papel de vítima

Reclamar é sempre uma não-aceitação do que é. Inevitavelmente carrega uma carga inconsciente negativa. Quando você reclama, vocês se transforma em uma vítima. Quando você fala alto, você está no poder. Então mude a situação e tome alguma atitude, ou deixe a situação ou aceite-a. Tudo mais é provavelmente uma loucura.

7) Existe uma linha fina entre honrar o passado e se perder nele

Existe uma linha fina entre honrar o passado e se perder nele. Por exemplo, você pode se conscientizar e aprender a partir dos erros que você cometeu, então se mover e mudar o foco para agora. Isso é chamado de se perdoar.

Deixar ir requer força e muita coragem. Muitas vezes deixar as coisas ir é um tipo maior de grandeza do que se defender ou agarrar-se à situação.

8) Você é um ser humano não um ser-fazendo

Na pressa do nosso dia a dia, todos nós pensamos demais, desejamos demais, buscamos demais e esquecemos de apenas apreciar o ser.

9) Pare de se definir e definir os outros

Se definir através do pensamento é limitar você mesmo.

Pare de se definir — para você mesmo ou para os outros. Você não vai morrer. Você vai se abrir à vida. E não se preocupe com que os outros possam definir você. Quando eles se definem, eles estão limitando a si mesmos, então é problema deles.

Sempre que você interagir com outras pessoas, não esteja lá primeiramente como uma função ou um papel, mas dentro da consciência da presença do momento presente. Você sempre pode perder alguma coisa que você tem, mas não pode perder alguma coisa que você é.

Uma vez que você esteja identificado com alguma forma de negatividade, você talvez não queira deixar de ir (as coisas negativas) em um nível inconsciente profundo, você não quer uma mudança positiva. Isto poderia ameaçar a sua identidade como uma pessoa deprimida, uma pessoa com raiva ou difícil de lidar. Você então vai ignorar, negar ou sabotar os aspectos positivos de sua vida. Este é um fenômeno comum. É também algo semelhante a uma loucura.

10) Aonde houver verdadeiro amor, não há ego

Um relacionamento genuíno é aquele que não é dominado pelo ego com a sua busca incessante de criar uma imagem e uma definição dos outros. Em um relacionamento genuíno, existe o estado de abertura, de atenção alerta para a outra pessoa na qual não existe nenhuma busca realmente.

11) O que você lutar contra, vai aumentar e o que você resistir, vai persistir

Oferecer não-resistência à vida é estar em um estado de graça, de facilidade e de brilho.
Esse estado então é não-mais-dependente das coisas ficarem de um certo jeito, bem ou mal.

Pode parecer paradoxal, mas no momento em que sua dependência da forma vai embora, a condição geral da sua vida, as formas externas, tendem a melhorar enormemente. As coisas, as pessoas, as condições que você pensava que precisava para sua felicidade agora chegam até você sem luta ou esforço da sua parte, e vocês está livre para apreciar — enquanto durarem.

Todas essas coisas, é claro, vão passar, ciclos vão começar e terminar, mas sua não-dependência tratará de não trazer mais medo ou perda. A vida flui com facilidade.

12) O que quer que você lute contra nos outros, você vai fortalecer em você

Qual quer coisa que você recente luta fortemente contra em um outro encontra-se também em você.

13) Poder sobre os outros é fraqueza disfarçada como força
Poder sobre os outros fraqueza disfarçada como força.
O verdadeiro poder está dentro, está disponível pra você agora.

14) Todo e qualquer vício começa com dor e termina com dor

Qualquer vício começa a partir de uma recusa inconsciente para enfrentar e lidar com sua própria dor. Todo e qualquer vício começa com dor e termina com dor. Qualquer que seja a substância que você é viciado em — álcool, comida, drogas legais e ilegais, ou uma pessoa – você está usando algo ou alguém para encobrir a sua dor.

15) Busque viver autenticamente

Interações humanas autênticas se tornam impossíveis quando você perde a si mesmo em um papel.
Viver para manter uma imagem que você tem de você mesmo ou uma imagem que os outros tem de você é viver uma vida inautêntica.

16) Desejar é a antítese da felicidade

Não deseje a felicidade.
Se você desejá-la, você não vai encontrar, porque desejar é a antítese da felicidade.

Existe uma diferença entre a felicidade e a paz interior? Sim.

A felicidade depende das condições que são percebidas como positivas; e a paz interior não depende dessas condições.

17) A mente é um instrumento incrível se usado corretamente

A mente é um instrumento incrível se usado corretamente.
Se usada incorretamente, entretanto, se torna muito destrutiva.

Para dizer de uma maneira mais clara, não é muito como se você usasse a sua mente erroneamente —você geralmente não a usa de maneira alguma. Ela que te usa. Esta é a doença. Você acredita que você é sua mente. Esta é a ilusão. O instrumento tomou conta de você.

18) A preocupação é uma perda de tempo.

A preocupação parece necessária mas não serve a propósito algum.

19) Você é mais do que a sua mente

Em nível profundo você já está completo.
Quando você percebe isto, existe uma energia prazerosa por trás de tudo que você fizer.

Estar identificado com sua mente é estar preso no tempo: a compulsão de viver quase exclusivamente através da memória e da antecipação.

Conhecer a si mesmo como ser por baixo do pensador, a calma por baixo do barulho mental, o amor e o prazer por baixo da dor, é liberdade.

Tédio, raiva, tristeza, medo não são estados seus, não são pessoais.
Eles são condições da mente humana. Eles vêm e vão. Nada do que vem e vai é seu.

20) A libertação do animal racional

O começo da liberdade é a percepção de que você não é “o pensador”. O momento em que você começa a observar o pensador, um nível mais elevado de consciência se torna ativo. Você então começa a perceber que existe um vasto campo de inteligência além do pensamento, que o pensamento é apenas um pequeno aspecto da sua inteligência.

Você também começa a perceber que todas as coisas que realmente importam — beleza, amor, fertilidade, contentamento, paz interior — aparecem além da mente. Você começa a acordar.

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/11/eckhart-tolle-20-pensamentos-que-podem.html
Fonte: Humaniversidade

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

As Portas da Liberação, Thich N. Hanh


“... Usualmente, por causa da nossa ignorância e energias de hábito, percebemos as coisas incorretamente. Somos detidos em nossas categorias mentais, especialmente em nossas noções de eu, pessoa, ser vivente, e extensão de vida. Fazemos discriminação entre o eu e o não-eu, como se o eu não tivesse nada a ver com o não-eu. Cuidamos do bem estar, mas não pensamos muito sobre o bem estar de tudo que seja não-eu. Quando vemos as coisas desse jeito, nosso comportamento está baseado em percepções equivocadas. Nossa mente é como uma espada cortando a realidade em pedaços. E então agimos como se cada pedaço da realidade fosse independente dos outros pedaços. Se observarmos profundamente, removeremos essas barreiras entre nossas categorias mentais e veremos o um no muito e o muito no um, que é a verdadeira natureza da inter-existência. Esta é a forma de ficarmos livres de nossos conceitos. É por isso que no Sutra do Diamante Buda usa a linguagem da liberdade quando responde a seu discípulo Subhuti. Encontramos muitas sentenças como esta do Sutra do Diamante. “O bodhisattva não é bodhisattva por isso é um verdadeiro bodhisattva”. Esse modo de falar é chamado de dialética da Prajñaparamita. Ele nos é ofertado por Buda para nos libertarmos de nossas noções.

Vamos tentar compreender a dialética da Prajñaparamita: Uma taça não é uma taça, portanto, é verdadeiramente uma taça. Um eu não é um eu, por isso ele pode ser verdadeiramente um eu. Quando olhamos para dentro de “A”, a coisa que estamos observando_ uma taça, um eu, uma montanha, um governo_ vemos nela os elementos “não-A”, portanto podemos dizer que “A” é “não-A” ou que “A” não é “A”. Pai é feito de elementos não-pai, inclusive os filhos. Se não há filhos, como pode haver um pai? Observando profundamente um pai, vemos os filhos, esposa, marido, cidadão, presidente, todos os demais e todas as coisas.

Na lógica, o princípio de identidade é que “A” é “A” e que “A” nunca pode ser “B”. Para nos libertarmos dos nossos conceitos, temos de transcender esse princípio. O primeiro princípio da dialética da Prajñaparamita é que “A” é “não A”. O bem-estar do homem depende do bem-estar dos elementos não-homem na natureza. Quando você tem a percepção correta do homem e sabe que ele é feito de elementos não-homem, você pode chama-lo pelos seus verdadeiros nomes_árvore, mulher, peixe ou homem. Buda deveria ser visto da mesma forma. Buda é feito de elementos não-Buda. A iluminação é feita de elementos não-iluminação. O Dharma é feito de elementos não-dharma. Os bodhisattvas são feitos de elementos não-bodhisattva. Declarações deste tipo constam no Sutra do Diamante e elas são o caminho para a prática da segunda porta da liberação, a porta do não-sinal.

Se aprendermos sobre as três portas da liberação, mas não as praticamos, elas não têm muita utilidade. Para abrir a porta do não-sinal e entrar no reino da realidade tal qual ela é, temos de praticar a mente alerta em nossa vida diária. Observando atentamente todas as coisas, enxergamos a natureza da inter-existência. Vemos que o presidente de nosso país é composto de elementos não-presidente, inclusive economistas, políticos, ódio, violência, amor etc. Observando atentamente uma pessoa que seja presidente, vemos a realidade de nosso país e do mundo. Nela podemos encontrar tudo que concerne à nossa civilização. Uma coisa contém todas as outras coisas. Merecemos o nosso governo e o nosso presidente porque ambos refletem a realidade do nosso país_ a forma como pensamos e sentimos, e a maneira como levamos a nossa vida diária. Quando sabemos que “A” não é “A”, quando sabemos que nosso presidente não é nosso presidente, que ele é “nós mesmos”, não mais o censuramos ou culpamos. Sabendo que ele é feito apenas de elementos não-presidente, saberemos onde aplicar nossa energia para melhorar nosso governo e nosso presidente. Temos de cuidar dos elementos não- presidente e dos elementos não-governo dentro e fora de nós. Não é uma questão de debate. É uma questão de prática.

“Um lugar onde alguma coisa pode ser distinguida por sinais, neste lugar há decepção”. Subitamente esta sentença do Sutra do Diamante se torna clara. Enquanto não olharmos a realidade profundamente e descobrirmos qual é a sua verdadeira natureza, seremos enganados por sinais ou noções. Quando enxergarmos a natureza não-sinal dos sinais, vemos Buda. Depois de ver a verdadeira natureza de “A”_ que não é “não-A ”_ nós tocamos a realidade de “A”.

Texto extraído do livro: Cultivando a Mente do Amor, de Thich N. Hanh.


Enviado por Leise


quarta-feira, 26 de novembro de 2014

SABEDORIA DOS ANJOS - TORNANDO-SE


com Sharon Taphorn
26 de Novembro de 2014

SEMENTES DO CORAÇÃO

Você plantou as sementes para o que vai acontecer, assim agora é o momento de fazer aquelas coisas que nutrem os seus objetivos e planos, a fim de que eles cresçam e se desenvolvam. Se as sementes estiverem maduras e prontas, nada poderá impedi-las de irromper na superfície e alcançar a luz, mesmo diante de dificuldades aparentemente intransponíveis. Se você não definiu ainda as suas intenções, agora é o momento, de modo que você possa ver os verdadeiros desejos do seu coração, os seus objetivos e o seu propósito se manifestarem.

As sementes do coração vêm para você na forma de orientação, incentivando-o, apoiando-o, para que você permita, esteja aberto e pronto para o inesperado. Confie que as condições certas para crescer e prosperar estão sendo trazidas a você de maneira milagrosa. Confie que as sementes do seu coração sabem como crescer. Você está se desenvolvendo e cada pétala que se abre é um passo mais próximo da sua realização divina.

Há uma nova energia ao seu redor, uma nova energia com que aprender a trabalhar e a criar, uma nova maneira de se tornar. Experimente novas maneiras de se relacionar com você mesmo e a sua vida, com o Universo e Tudo O Que É e para trabalhar com a energia e a luz que está dentro de você.

E assim é.


Você é ternamente amado e apoiado, sempre

Os Anjos e Guias

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/11/sabedoria-dos-anjos-tornando-se.html
Thank you, Mahalo, Merci, Gracias, Vielen Dank, Grazie, Спасибо, Obrigado, 谢谢, Dank, 謝謝, Chokran,Děkuji,Kiitos
Direitos Autorais ©2012 por Sharon Taphorn
Todos os direitos reservados.
www.playingwiththeuniverse.com
Permita que haja a paz em seu coração
Ame incondicionalmente
♥♥♥
Tradução: Regina Drumond - reginamadrumond@yahoo.com.br

terça-feira, 28 de outubro de 2014

ABRAHAM - ALCANCE UM ESTADO DE SER QUE SEJA DA SUA ESCOLHA



Uma mensagem de Abraham
Canalizada por Esther e Jerry Hicks em 6 de
junho de 2008


Se estivéssemos falando com você no seu primeiro dia de experiência na vida física, isto é o que estaríamos dizendo: Bem-vindo pequenino, ao Planeta Terra… Não existe nada que você não possa ser, ou fazer, ou ter. Você é um criador magnífico, e está aqui graças à sua vontade poderosa e deliberada de estar aqui. Você aplicou especificamente a maravilhosa Lei da Criação Deliberada e, através da sua capacidade de fazer isto, você está aqui.

Siga em frente, refletindo sobre o que você quer, atraindo experiências de vida para ajudá-lo a decidir o que você quer e, uma vez que tenha decidido, concentrando seu pensamento apenas nisso. A maior parte do seu tempo será usada para coletar dados – dados que vão ajudá-lo a decidir o que é que você quer…

O seu verdadeiro trabalho é decidir o que você quer e depois se concentrar nisso, pois é se concentrando no que quer, que você vai atraí-lo. Este é o processo de criação: pensar no que se quer, pensar tanto e tão claro, que o seu Eu Interior crie uma emoção.

E quando você está pensando com emoção, você se torna o mais poderoso de todos os ímãs.
Este é o processo através do qual você vai atrair (o que você quer) para a sua experiência.

Muitos dos pensamentos que você tiver não serão poderosos em atração, não no começo – não até que você se mantenha focalizado neles o tempo suficiente para que se tornem mais. Pois, ao se tornarem mais em quantidade, eles se tornam mais em poder. Ao se tornarem mais em quantidade e mais em poder, a emoção que você estará sentindo, vinda do seu Eu Interior, será maior.

Quando você tem pensamentos que lhe trazem emoção, você está acessando o poder do Universo. Vá em frente, (diríamos) neste seu primeiro dia de experiência de vida, sabendo que o seu trabalho é decidir o que você quer – e depois se concentrar nisso.

Mas não estamos falando com você no seu primeiro dia da sua experiência de vida.
Você já está aqui há algum tempo…

A maioria de vocês têm se visto, não apenas através dos seus próprios olhos (na verdade, nem mesmo basicamente através dos seus próprios olhos), mas através dos olhos dos outros; portanto, muitos de vocês não estão no estado de Ser que querem estar.

Queremos lhe oferecer um processo através do qual você possa alcançar o estado de Ser que é da sua escolha, para que possa acessar o poder do Universo e começar a atrair os objetos do seu desejo, em vez dos objetos que você pensa que são do seu verdadeiro estado de Ser.

Pois, do nosso ponto de vista, existe uma grande diferença entre aquilo que existe agora – que você chama de sua "realidade" – e aquilo que a sua realidade realmente é.

Mesmo que você esteja dentro de um corpo que não seja saudável ou num corpo que não seja do tamanho, formato ou vitalidade que você escolheu; num estilo de vida que não lhe agrade; dirigindo um carro que o envergonhe; interagindo com pessoas que não lhe dêem prazer – queremos ajudá-lo a compreender que, embora isso possa parecer o seu estado de Ser, isso não precisa ser.

O seu estado de Ser é o modo como você se sente a respeito de si mesmo em qualquer ponto do tempo.

Suas palavras não lhe trarão a manifestação imediata daquilo que você está pedindo, mas quanto mais freqüentemente você as pronunciar e quanto melhor se sentir enquanto as pronuncia, mais pura ou menos contraditória será a sua vibração.

E logo o seu mundo será preenchido com as coisas das quais você falou…

As palavras por si só não atraem, mas quando você sente emoção ao falar, isto significa que sua vibração está forte – e a Lei da Atração deve responder a esta vibração.


Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/10/abraham-alcance-um-estado-de-ser-que.html
(c)1997-2006 Abraham-Hicks Publications.
Mais informações em www.abraham-hicks.com
Tradução: Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br
Visite a página do blog com os "Toques de Luz dos Abraham", clicando aqui

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

MENSAGEM SEMANAL DE HILARION - AMAR A SI MESMO

De 26 de outubro a 2 de Novembro de 2014

Através de Marlene Swetlishoff


Amados,

Os Trabalhadores da Luz em volta do mundo estão sustentando e ancorando a Luz como nunca antes!

Cada pessoa está se esforçando para nutrir-se diariamente, ao praticar atos de gentilezas para consigo, através de pequenas recompensas que fazem com que se sintam reconhecidas e vistas.

Todos vocês estão aprendendo o amar a si mesmo, no sentido de moverem-se para diante, no que tange ao seu caminho espiritual.


Amar a si mesmo, é um componente vital, no que diz respeito ao desenvolvimento espiritual para todos, e amar a si mesmo mantem a pessoa em equilíbrio e harmonia, ambos, no interior de si mesmo e no mundo em sua volta.

À medida que as distrações do mundo externo continuam a bombardear os sentidos, essa prática mantem a pessoa firme e ancorada.

Nunca se esqueçam de quão maravilhosos vocês são e de que vocês merecem tudo que é de bom nesse mundo. A maioria de vocês esteve recebendo mais descensos vindos do cosmos e isso irá requer a usual integração e assimilação.

Agora, existe mais foco, no sentido de vocês moverem-se para frente para contemplarem aquilo que lhes traz abundância com alegria, fazendo aflorar a sua paixão e entusiasmo. Muito disso foi contemplado por muitos meses e agora irá ser mais fácil de ser implementado.

Através de seu trabalho alquímico, vocês estiveram aprendendo empunhar o seu poder por amarem e construírem caminhos, e isso, irá apenas melhorar, nos dias a seguir. Vocês sentirão uma renovada sensação de paz, abundância e criatividade pelas maravilhas da vida aqui na Terra.

Vocês irão colocar as suas habilidades, sabedoria e conhecimento para o bom uso, por caminhos que expandem as possibilidades em suas vidas.

Todos vocês estiveram deixando ir embora os arrependimentos do passado, padrões de mágoas que não são mais úteis em sua jornada espiritual.

Alguns desses estiveram profundamente engrenados em seus subconscientes, e esses novos descensos de energia estão permitindo a libertação final, trazendo uma sensação de renovação e novos começos.

A vida está sempre mudando e desvelando-se em alinhamento com a vontade mais elevada de sua alma. Tudo que vocês experimentam é desenhado para lhes auxiliarem na expansão de suas consciências, no sentido de que vocês possam abraçar maiores níveis de amor e sabedoria.

Cada uma das experiências que vocês tiveram os conduziu para que se tornassem pessoas sábias, amorosas e compassivas, e isso é o que vocês são nesse momento do agora.

Isso já passou, foi, e tudo é bom, então, agora é o tempo das mudanças com transformações positivas e profundas. Todos vocês têm a habilidade de materializar os seus sonhos, ambos, tanto do seu mundo pessoal, como do mundo maior em sua volta.

É pedido para que vocês acreditem em si mesmos, para terem confiança em si e não permitindo que algo fique em seu caminho, ou seja, que nada fique no seu caminho. Vejam cada experiência, como sendo um aprendizado e vejam que cada uma adiciona à Maestria do Eu.

Existem excitantes caminhos novos sendo abertos para vocês e agora é o seu tempo para brilharem. Isso requer um coração aberto para que vocês vejam o potencial ilimitado que reside em seu interior.

Tudo o que vocês gostariam de criar, manifestar e encontrar está agora no interior do reino das possibilidades; tudo o que é requerido é manterem-se verdadeiros consigo, confiantes de que as suas ideias e inspirações são guiadas divinamente.

Vocês têm a habilidade para elevarem-se, tanto mentalmente, como emocionalmente, em tudo que encontrarem na vida.

Sob a perspectiva espiritual, não existem mais erros em suas vidas. Ao aceitarem quem vocês são, exatamente como vocês são, e de que irão ver as suas vidas magicamente se transformarem, de forma maravilhosa e surpreendente na divina sincronicidade e ordem.

A firmeza e o comprometimento que vocês têm mostrado por tanto tempo irá lhes servir bem. Continuem a escutar a orientação daquilo que vem de sua própria alma. Ao focarem em suas metas com determinação, habilidade e firmeza, vocês irão alcança-las.

Vocês, verdadeiramente estão tornando-se a Luz mais clara e mais luminosa que vocês podem ser. Apreciem tudo que vocês já manifestaram em suas vidas.

Vocês estão no caminho certo e todo o trabalho irá acabar bem, sendo bem finalizado e bem executado.

Até a semana que vem...

EU SOU Hilarion

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/10/mensagem-semanal-de-hilarion-amar-si.html
©2014 Marlene Swetlishoff/Tsu-tana (Soo-tam-ah) Sustentadora das Sinfonias da Graça
Permissão é dada para compartilharem essa mensagem desde que ela seja postada em sua íntegra, sem rasuras ou emendas, e não são cobradas taxas ao lê-las e estando incluídos o nome da autora, os seus direitos autorais e os seus dois websites.
www.therainbowscribe.com
www.movingintoluminosity.com
Tradução Helena Renner: helenarenner@yahoo.com.br
Luz de Gaia

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

O TEMPO DA ILUSÃO CHEGA AO FIM


MENSAGEM DE MÃE MARIA

Através de Jane M Ribeiro
29 setembro de 2014


Amados Filhos,

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.
É tempo de consolidar a sabedoria divina em vosso amado planeta.

Tempo de compreensão, tempo de harmonia, tempo de renascer, emergindo das águas turvas que não vos permitiam ver a luz do sol, a beleza da vida e nem reconhecer vossas verdadeiras identidades.

O tempo da ilusão chega ao fim!

A redenção ao ser de luz que sois vos tira da escuridão, vos tira do tempo do limite e vos leva há outro tempo, a uma nova realidade, a um novo momentum em vossas jornadas.

É momento de entrega e de celebração.


Entregai-vos, pois, às diretrizes que vos são mostradas por vossas almas, para que possais celebrar vossa verdadeira identidade, aquela que não aceita mais limites, aquela que não reconhece qualquer separação, aquela que compartilha com alegria, aquela que vê no outro a luz de Deus que habita o âmago de seu ser.

A beleza da vida está contida em vossa essência, amados, e o belo que começais a enxergar é o belo que existe em vós.

Vós sois a beleza contida em tudo que tem vida e já é tempo de enxergardes essa beleza em tudo que vos cerca, compreendendo que se ainda existem sombras que encobrem toda beleza, cabe a vós ajudar a dissipá-las pela força da vossa vontade, pelo poder da vossa fé, pela compreensão que tudo que tem vida é dotado de beleza mesmo que ela ainda não esteja resplandecendo no mundo que habitais.

Lembrai-vos que cada um de vós é um elo na imensa corrente que se reintegra no Grande Cálice da Unidade Divina, e, como tal, todos vós tendes o poder de tocar a Verdade, para compartilhá-la com todos os habitantes de vosso planeta.

A Verdade emerge lenta, mas continuadamente, do poço profundo que foi alimentado pela mentira e pelo engodo daqueles que usurparam o poder divino de cada filho da Terra, para utilizá-lo com o intuito de separar o que sempre foi uno com Deus e infiltrar em vossas consciências o sentimento de inferioridade e culpa pelo pecado que nunca aconteceu.

Não há pecado onde existe amor, onde a compreensão leva à prática da solidariedade, onde as diferenças são compreendidas como as muitas facetas de um único ser.

Sois diferentes em vossas vestimentas, mas sois iguais em essência e, como iguais, necessitais uns dos outros para seguir em frente, para aprender e crescer, para trilhar o caminho da pureza de pensamento e da verdade da alma que só enxerga a beleza contida na Criação.

A Criação é perfeita, amados, e ela se reflete em tudo que vos cerca, em tudo que tem vida, em tudo e em todos e essa verdade, tão camuflada pelo egoísmo do ser humano ao longo da jornada, hoje se revela gloriosa, possibilitando a todos vós se reconhecerem e se amarem com verdadeiros irmãos que sois.

Que este novo momentum vos leve a dissolver todo egoísmo na prática da solidariedade e toda dor na manifestação da compaixão, que dissolve todas as carências, para que a plenitude se revele e se expanda, preenchendo todos os espaços vazios, permitindo que o amor retorne em todas as mentes e corações.

Bem amados, lembrai-vos sempre que somente através do agir e através da verdade revelada por vossos corações, podereis vos reintegrar a essa Grande Família que, neste tempo, já trilha o caminho da Luz.

É ele, e somente ele - o caminho da Luz - que poderá vos levar de volta ao vosso verdadeiro lar, o lar onde impera a consciência crística, o lar que mantém suas portas sempre abertas para abrigar aqueles que necessitam de amparo e de compreensão para continuar trilhando o caminho da verdade.

Bem amados, que vossas orações continuem a levar para todo esse planeta e seus filhos as vibrações de amor, paz e cura, e que vosso propósito de servir a Luz continue a ser alimentado pelo Meu Amor.

Agradecemos pelo trabalho amoroso de todos vós na manutenção da egrégora criada por essa Corrente de Luz iniciada há 18 anos de vosso tempo por esse canal.

Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção, porque...

Eu Sou Maria, Vossa Mãe

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/09/mensagem-de-mae-maria-o-tempo-da-ilusao.html
http://br.groups.yahoo.com/group/maemaria/
Mensagem enviada por Silvana Toti

terça-feira, 30 de setembro de 2014

RELATÓRIO DA ENERGIA PARA OUTUBRO DE 2014

Mensagem de Jennifer Hoffman
30 de Setembro de 2014


Muitas vezes, ficamos ansiosos para receber o mês de Outubro, que será um alívio bem-vindo a partir de Setembro, embora ele vá ser agitado, com um Mercúrio Retrógrado, dois eclipses, três planetas mudando de signos (Mercúrio, Vênus e Marte), Plutão ganhando impulso, Saturno, finalmente, afastando-se da sua sombra retrógrada e, provavelmente, mais atividade com explosões solares.

Eu hesito em tender para o positivo ou o negativo quando falo de potenciais, embora os dois lados estejam provavelmente a algum grau, pois o que isto significa é relativo para cada individuo com base em sua própria jornada.

Este é um momento, contudo, onde situações em que temos ficado sem o caminho da energia, são susceptíveis de ser um foco forte e qualquer coisa que seja um dreno de energia, será ainda mais. Se houver alguma auto-sabotagem acontecendo vocês o saberão e terão oportunidades de fazer as correções de curso.

Tivemos muita ação retrógrada neste ano, convidando-nos a nos interiorizar profundamente em nossos reservatórios de energia e remover o que não é mais necessário, ou o que não mais nos serve. Mercúrio ultrapassa muito os graus de Marte retrógrado, incluindo a marca importante de 16 graus.

O que vocês estiveram processando de Março a Julho que possa estar vindo novamente para revisão?

O que não mudou, então, que está dando os seus últimos suspiros agora?

Embora digamos que queremos deixar ir as coisas, muitas vezes recuamos e avançamos nas mesmas questões e as arrastamos o maior tempo possível, esperando que elas mudem, para que não as deixemos ir. Será agora claro que algumas situações estão inoperantes e não mais podem ser revividas. Qualquer coisa que precise ser liberada está criando espaço para algo novo.

Estamos dispostos a criar espaço em nossas vidas para isto, liberando qualquer coisa que esteja ocupando agora este espaço?

Mas antes que possamos saber o que é velho ou novo, o que nos traz alegria, o que relutamos em liberar, o que nos serve ou não, devemos ter um resultado em mente para definirmos o que significa para nós.

Se isto é amor, paz, alegria e abundância, algo que queiramos ter ou fazer, um objetivo ou direção para a nossa vida, ou uma energia que queiramos incorporar, os resultados criam o instrumento para os nossos fluxos de energia.

Então, a liberação se torna um processo de entrar em um novo espaço de energia, em vez de reconhecerem relutantemente que apesar dos seus melhores esforços, vocês fracassaram em algo que realmente queriam ser bem sucedidos.

Movermo-nos da cura para a integridade, tornarmo-nos uma expressão de 360 graus de nosso potencial energético; estarmos nos aspectos mais elevados de nosso poder, são todas as formas em que podemos estabelecer intenções em que podemos definir onde queremos que a energia flua.

E o momento certo de fazermos isto é pessoal e pode variar de nossa primeira pontada de desconforto leve para uma dor crônica, aguda. Todos têm um nível diferente de tolerância à dor e o que é suportável para uma pessoa, poderia ser intolerável para outra.

Muitas vezes, esperamos o momento certo para agir, em vez de empreendermos uma ação correta a cada momento. Mudamos quando a nossa dor se torna mais intensa do que o nosso medo da mudança, e, algumas vezes, leva um tempo para atingirmos o nosso “limite da dor”. Talvez, este mês, seja o ponto decisivo, pois, certamente, tem o potencial para isto.

Com os retrógrados, podemos liberar, rever, recordarmos, reconectarmos, revivermos, realinharmos, reiniciarmos, recalibrarmos, reconsiderarmos e repetirmos, se assim o escolhermos. Se nada fizermos, esta é uma escolha também.

Eclipses são pontos de transformação e de desvio, que oferecem vislumbres para novos potenciais e possibilidades, muitas vezes, trazendo o passado de novas formas e, em Outubro, teremos uma repetição dos eclipses de Outubro de 1995.

Um ciclo repetitivo de eclipses mais um Mercúrio retrógrado, poderiam trazer algumas revelações interessantes sobre relacionamentos, conexões, o que está terminando pela última vez e o que está pronto para um novo início (novo como no inteiramente novo, nunca visto ou usado antes, no pacote com os rótulos anexados).

Estamos também construindo a quadratura número 6 de Urano/Plutão em Dezembro e isto se concentrará na conexão mente/espírito. É onde o mundo material e o espiritual se conectariam em todos os níveis, individual e coletivamente.

Quem é o autor de sua realidade, vocês, o passado, o futuro em potencial, outras pessoas, ou algo mais?

A quem vocês dão autoridade, seja consciente ou inconscientemente?

Embora acreditemos que somos impotentes, quando se trata de autoridade externa, é um reflexo de a quem damos autoridade em nossas vidas. Sermos perseguidos por “autoridades” é um poderoso problema de vidas passadas para muitos de nós e é, muitas vezes, a principal causa de nossa auto-sabotagem. Estejam cientes disto enquanto passam por Outubro, pois isto poderá surgir múltiplas vezes.

Em Libra, Mercúrio retrógrado repete Marte retrógrado de Dezembro de 2013 a Julho de 2014, e isto é também sinal de inimigos declarados, o que inclui pessoas que estão contra vocês e a sua própria auto-sabotagem.

Auto-limitação, auto-sabotagem e julgamento próprio podem ser importantes temas para Outubro, pois estamos sendo solicitados a atingir e dragar as camadas inferiores de nossos reservatórios de energia e liberarmos o que não serve ao nosso desejo para a paz, o amor, a alegria e a abundância em nossas vidas e no mundo.

Ou podemos usar esta energia para vermos onde estamos bloqueando o nosso próprio progresso, limitando a nossa realização e mantendo os nossos níveis de dor, porque tememos muito a mudança.

Somos indivíduos e parte do coletivo e as nossas realidades se entrelaçam com todos no planeta. Se vocês não têm certeza de como isto funciona, postem um vídeo bonito de seu animal de estimação e vejam quanto tempo leva para gerar mais de um milhão de visualizações.

À medida que avançamos ao longo de nossa jornada de conexão, de ascensão e de evolução, para uma vida íntegra e gratificante, onde capacitamos todos os nossos aspectos e as nossas vidas, tornamo-nos uma força unida para a paz, o amor e a alegria no mundo.

É isto que cria o céu na terra.
Começa conosco.

Onde vocês começam este processo em sua vida?

Comecem hoje, o Universo os apóia sempre, em todos os sentidos, e assim lhe dêem algo poderoso com que trabalhar, criando uma expansão da vida, um vida poderosa, intenções expressivas que irão balançar a sua vida de maneiras extraordinárias e que mudarão o mundo.

Tenham um maravilhoso mês.

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/09/jennifer-hoffman-relatorio-da-energia.html
http://enlighteninglife.com/
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Rosh Hashaná

De acordo com os kabbalistas, na semana que vem (24 de Setembro a partir do por do sol até 26 por do sol), o ciclo anual da “alma” encerra. Existe um “ponto” energético no calendário que é o inicio de todo um novo ciclo, chamado Rosh Hashaná. Muitos se referem como sendo o “ano novo” energético.

É considerado o dia mais influente do ano e por isso temos o maior evento nacional e internacional para alunos. A influência deste dia é tão grande que os kabbalistas dizem que até o destino de plantas e animais é decidido, ainda mais, a humanidade.

Compartilho abaixo um guia simples de tudo que você precisa saber - no formato de perguntas & respostas sobre Rosh Hashaná.

Obs: o evento em São Paulo já lotou (esgotado) mas temos vagas para online e para o evento internacional em San Diego (Estados Unidos).
Se quiser, inscreva-se para internacional ou online.

Assista um vídeo gratuito de 2 minutos sobre Rosh Hashaná

Como é definido a data de Rosh Hashaná?
Rosh Hashaná é sempre realizado na lua nova astronômica da constelação de Libra. Este ano será 24 de Setembro à noite. O livro de astrologia e ciência metafísica chamado Sefer Yetzirá – escrito 5000 anos atrás, atribuído ao Kabalista Abraham Avinu, até mesmo antes das principais religiões nascerem – descreve que neste dia, todo universo é colocado na balança, medido, pesado e definido, influenciando toda humanidade. O Zohar explica que inclusive plantas, objetos e animais também entram neste “julgamento” cósmico.

O que significa Rosh Hashana?
A palavra "rosh" significa cabeça, e "hashana" significa ano. Logo, “cabeça do ano”, no sentido de ser o momento que controla e fornece energia para o ano todo.

Porque dizemos que em Rosh Hashaná, somos “julgados”?
Em Rosh Hashaná ocorre um fenômeno que é conhecido pelo código “julgamento”
A palavra “julgamento” é um código para o momento que causa se transforma emefeito.
Todo comportamento positivo que realizamos e todo comportamento negativo ganhará o efeito bumerangue.

O resultado deste fenômeno é a definição da quantidade de energia que receberemos em nossas vidas práticas no ciclo seguinte anual.

Qual a relevância de Rosh Hashaná para nossas vidas práticas?
As 48 horas de Rosh Hashana definem o fluxo energético que teremos ao longo de todos os 365 dias do ano. Isto inclui a força de positividade que receberemos em diversas áreas da vida como:

(a) relacionamentos interpessoais / amorosos (inclusive para quem busca melhoramentos ou novos inícios)
(b) energia familiar (criação de novas famílias e injeção de energia positiva nas famílias existentes)
(c) fluxo energético na área financeira (quanto vamos ganhar, sucesso financeiro e carreira)
(d) saúde (saúde física e mental, prevenção de doenças e cura)

E todas outras.

O que podemos fazer para influenciar positivamente tudo que é definido em Rosh Hashana?
De acordo com os kabalistas, podemos sempre atuar como participantes ativos ouparticipantes passivos de qualquer fenômeno que esteja acontecendo no universo.
E com nossa atuação, podemos trazer a Luz e eliminar todo e qualquer julgamento negativo.

Por exemplo, os kabbalistas explicam que todas dificuldades que temos em nossas vidas vem da lei de causa e efeito, que ganha força em Rosh Hashaná onde tudo entra na "balança cósmica"

No entanto, na consciência de participante ativo, posso influenciar qualquer decisão com respeito a minha realidade. A nossa realidade é propriedade nossa e se nós permitimos que qualquer negatividade penetre dentro dela, é somente nós que poderemos alterar isso. E nós queremos criar nossa realidade. Rosh Hashaná é um excelente momento para isso.

Na verdade, podemos atrair apenas bençãos e milagres se fizermos um bom trabalho, independente de onde caímos.

Como transformar em um participante ativo? Através de uma decisão de consciência.

Existem 3 momentos de influenciar a “decisão” cósmica de Rosh Hashaná:

(a) antes de Rosh Hashaná
(b) durante
(c) e depois de Rosh Hashaná

Momento antes de Rosh Hashaná
Existem 3 perguntas que podemos contemplar já hoje e responder (de preferência por escrito, para você mesmo) para fazer uma preparação antes de Rosh Hashana:

1 – O que eu desejo para minha vida? Quais são seus grandes sonhos (não digo “planejamentos” e sim, “sonhos”). O que me deixaria muito feliz se eu recebesse no próximo ano? Contemple, visualize, e escreva. Seja específico e navegue por todas áreas de sua vida, sem limites.

2 – Quais são os maiores obstáculos entre você e este sonho? Coloque coisas internas mas externas também - isto te dará clareza. Por exemplo: falta de dinheiro, medos, falta de reconhecimento. Faça uma lista.

3 - Como posso me comprometer para ser uma pessoa que está na direção da transformação destes obstáculos? Faça um plano de ações, e faça uma lista de todos componentes que te ajudarão a vencer: persistência, coragem, sabedoria, comprometimento espiritual, ligação com as ferramentas, certeza para compartilhar grande, etc.

Estas três perguntas ativarão o poder da mente sobre a matéria, principalmente agora que qualquer coisa que escrevemos, ganhará expansão ilógica para todasas direções em Rosh Hashaná. O único pré-requisito é entender que 100% da minha realidade é uma projeção da minha consciência. Não existem vítimas. Até mesmo um obstáculo externo é uma criação minha – logo, posso mudar tudo. Tendo isto em mente, comece a responder. Faça o teste, funciona.

O universo pode fornecer tudo que necessito para alterar minha realidade!

Momento durante Rosh Hashaná
Vou lhe contar uma história para entender o quanto nossa postura nestas 48 horas é importante.

Uma vez uma aluna do Kabbalah Centre estava chorando muito durante um evento internacional de Rosh Hashaná, em tristeza devido à culpas, negatividades, acontecimentos de sua vida pessoal - e o nosso mestre Rav Berg a alertou que ela estaria injetando essa tristeza na realidade dela caso não se esforçasse para mudar a consciência dela. Ela imediatamente decidiu mudar de estado de espírito, introduziu mais otimismo, certeza e postura proativa. A aluna conta que durante 6 meses ela teve um ano difícil, e 6 meses muito felizes, que foi exatamente equivalente ao estado de espírito dela em Rosh Hashaná.

Existe outra história de um grande kabbalista que no meio do ano se adoeceu com um resfriado. E ele contou aos seus discípulos que ele criou isto durante alguns pequenos momentos de Rosh Hashaná que ficou reativo, aqueles minutos geraram aquilo no ano dele.

Estar reativo pode ser ficar dominado com sentimentos de preocupação, permanecer triste, deprimido, irritado, chateado, com raiva.

Seguindo a dica dos kabbalistas, durante as 48 horas de Rosh Hashaná, precisamos manter uma consciência elevada, é muito importante. Precisamos manter um estado alegre e simples sabendo que a Luz do Criador permeia tudo e todas situações – “boas” ou “más”.

(a) Não permitir que meus problemas pessoais me levem para baixo. Caso algo grande ou pequeno aconteça, trate com calma, entenda que nada é tão grande assim quando sua consciência e campo mental tem a Luz do Criador. Na verdade, a própria situação é uma rota rumo à uma benção.

(b) Evite situações que te desafiem muito por 48 horas. Não queremos provocar nossos pontos frágeis. Mas se algo acontecer, siga a primeira dica.

(c) Não ficar reativo com nada que acontece. É muito importante manter tolerância, paciência, calma e um esforço constante para estar feliz (mesmo que exija um sorriso no rosto forçado). Você que faz online pode ter membros de sua família te incomodando ou a energia elétrica pode cair ou o computador reiniciar sem querer. Tudo é bom! Mais importante que a conexão em si é sua consciência. Você quer plantar maturidade e postura proativa para o ano todo e estes desafios vem do Criador para te ajudar com isso.

(d) Procure passar 48 horas em estado de compartilhar. Isto te colocará em afinidade com a Luz. Caso você queira voluntariar (online ou presencial), responda o e-mail, você pode ajudar muito.

(e) Perdoe a si mesmo imediatamente. Uma das piores coisas é permanecer em estado de culpa e auto-ódio, irritado consigo mesmo. Mesmo que cometa vários erros, levante imediatamente. Aprenda a lição, mude a direção, quantas vezes necessário. Se entrar no banheiro, lavar o rosto, sorrir para si mesmo ajuda, faça. Tudo está valendo. O estado de consciência de "auto-ódio" (grande ou pequeno) é inclusive até mesmo mais prejudicial que odiar outra pessoa, que já é muito prejudicial. Tolere a si mesmo, respeito o seu processo.

Com relação ao evento, teremos 4 etapas, todas serão transmitidas online.

Nestas 4 etapas, faremos uso de ferramentas kabbalisticas prescritas pelos Kabalistas especificamente para Rosh Hashaná. Mas não se preocupe, porque durante o evento, tudo é guiado em telões (tanto para pessoas online quanto presencial em SP ou em San Diego, afinal de contas, temos um grande percentual de alunos NOVOS participando do evento, o que é ótimo para o mundo)

24 de Setembro de 20h até 21h30
25 de Setembro de 10h até 14h30
25 de Setembro de 20h até 21h30
26 de Setembro de 10h até 14h30

Quais ferramentas serão usadas nestas 4 etapas?

Ferramenta 1: União
A principal e mais poderosa ferramenta é a força da união. Reunimos fisicamente (ou virtualmente) – milhares e milhares de alunos do mundo todo, pois existe um efeito quântico quando um grupo de pessoas está unido com a mesma consciência. Os kabbalistas explicam que a quantidade de energia atraída se torna exponencialmente muito maior. Está escrito no Zohar que 10 pessoas unidas são capazes de trazer a totalidade (100%) da energia da Luz do Criador, acabando inclusive com a morte no mundo e trazendo a ressurreição até mesmo dos que já morreram. Imaginem milhares de pessoas!

Para estar unido preciso me comprometer, por 48 horas pelo menos, a não julgar o próximo pela negatividade dele. Não expressar palavras e pensamentos negativos sobre a outra pessoa e extender o braço para ajudá-lo. Mesmo que exista sim a negatividade em tudo e em todos, preciso focar no que está certo e bom – senão, acabo atraindo o negativo para minha vida. Precisamos almejar criar total respeito, tolerância e aceitação a todos ao redor.

2: O Poder do alfabeto “Alef Bet“ (também conhecido como aramaico ou hebraico)
Os kabbalistas explicam que o alfabeto aramaico tem o poder de acessar o nível mais íntimo da realidade e fazer alterações, independente se a pessoa entende.

Faremos bastante uso do Alef Bet em meditações e orações durante Rosh Hashaná. Não é necessário entender e simplesmente visualizar e ouvir. Nossa alma entende. O alfabeto Alef Bet é algo que foi revelado na época da Adão (o primeiro homem), e precede qualquer conceito de raça, povo, cultura, até mesmo línguas de comunicação (hebraico, portugues ou francês).

3: Tecnologia da oração
Os kabbalistas preparam um livro de orações exclusivo para Rosh Hashaná. Vamos recitar e passar na tela tudo. Basta estar alegre, simples, empolgado e ouvir. O que é uma oração? Uma oração é uma tecnologia que a pessoa pode usar para acessar os Mundos Superiores, e transformar a realidade no nível de causa. Existem orações específicas para Rosh Hashaná que vão ajudar a atingir o propósito de remover toda energia negativa que criamos, e aumentar toda Luz que iremos receber. Todas são feitas no original – no Alef Bet. Não precisamos entender nada. Basta visualizar e contemplar.

4: Tecnologia do toque do Shofar
O Shofar é uma ferramenta - um instrumento físico que produz um som ao ser soprado. O Zohar explica que a frequência de som produzida pelo Shofar tem a capacidade de penetrar e perfurar todas barreiras que impedem o fluxo de Luz de entrar. O som do Shofar remove a nuvem negra que está em cima de nossas vidas, negócios, família e do mundo. O Shofar é a ferramenta principal de Rosh Hashaná. Simplesmente ouvir o Shofar pode cancelar inúmeros julgamentos e produzir Luz além dos méritos. É uma ferramenta ilógica, mas existe uma tecnologia muito poderosa por trás que envolve uma ciência kabbalistica muito complexa para produzir.

O Shofar só funciona quando a pessoa está com a consciência de transformação. Não adianta a pessoa querer ser a mesma pessoa - com raiva, impaciência, mentiras e achar que o Shofar a ajudará. A ferramenta física não tem poder e sim, a ferramenta espiritual. Por isso recomendamos passar pelos passos acima.

5: Cantos
Muitas orações são feitas na forma de cantos. O motivo é que o canto desperta a energia de alegria. Alegria é considerado uma arma contra a força da dúvida e escuridão. Você não precisa saber os cantos. Na verdade são conduzidos e basta estarmos simples e unidos.

6: Palestras
Durante todas quatro etapas, teremos diferentes palestras. As palestras fornecerão um estudo: sobre a vida, o universo, workshops, consciência e todas serão conduzidas por professores experientes do Kabbalah Centre.

Momento Depois de Rosh Hashaná
Na sexta-feira noite (dia 26 de Setembro) envio um guia do que precisamos fazer depois de Rosh Hashaná.

Com isto em mente, amigos e amigas, podemos criar nossa realidade e ter o melhor ano de nossas vidas.

A boa notícia é que não importa quão fundos caímos, a Luz do Criador está sempre brilhando constantemente, da mesma forma, esperando apenas que vamos mudar de direção.

Lembre-se: o universo nos julga não por onde estamos, e sim, pela direção que estamos indo. Você pode decidir hoje mudar de direção, e Luz [que inclui todas bençãos] já está com você, mesmo que ainda não "chegou lá".

Boa conexão!

Amir






Copyright © 2014 KC Brasil, All rights reserved.
Você estudou no KC.

Our mailing address is:

KC Brasil
Pç Tome MachadoSao Paulo, Sp 01000000
Brazil




quinta-feira, 18 de setembro de 2014

LIBERTE-SE DOS PROGRAMAS DE PREOCUPAÇÃO

Jill Renee

Com tantos desastres naturais acontecendo com mais frequência, muitos estão se sentindo energeticamente drenados e empaticamente conectados ao evento, mesmo quando o distúrbio ocorre em outra parte do nosso planeta.

Abaixo estão algumas novas perspectivas e meios para encontrar sua paz interior durante todos os tipos de distúrbios, para encontrar a resposta com frequência mais alta para todos os desafios que surgem em sua jornada.

As frequências energéticas na Terra estão se elevando, oferecendo experiências de amor, alegria e paz interior como jamais tivemos a partir do interior de nosso corpo. Esta alteração dramática de energia para Gaia e para nós é uma oportunidade mágica para fazer mudanças de todos os tipos.

Estamos sendo impulsionados energeticamente para o alinhamento com nosso Eu Superior e para o alinhamento com essas frequências mais altas. Nossas almas conhecem essas frequências, sentem-se mais em casa nelas do que já se sentiram na Terra.

Para muitos de nós, a superação do medo, da preocupação e da dúvida é uma área que deve ser limpa removendo-se o bloqueio para que estas frequências mais altas sejam vivenciadas e apreciadas em nossas vidas.

Nós permitimos nosso Deus interior estar totalmente presente dentro de nós quando estamos em um estado de alegria, graciosidade, harmonia interior, paz interior, confiança em nós e amor por nós. Um padrão de energia de frequência inferior como a preocupação e o medo impede que essa frequência divina surja.

A preocupação, seja por Gaia, por nós ou por outros seres, oferece uma oportunidade para transformarmos essa frequência energética em uma vibração de frequência mais alta de amor, confiança e compreensão de que Gaia é um ser consciente que está criando sua própria jornada, tal como nós estamos criando a nossa.

Esta forma superior de amor vindo do coração sabe que tudo está bem o tempo todo, apesar do que nossa realidade tridimensional possa estar percebendo.

A preocupação realmente não é uma forma de amor.
Ela está enraizada no medo.

Apesar das intenções positivas, a preocupação emite uma frequência vibracional bastante baixa.

A preocupação é um sinal seu (enraizada no seu corpo mental) emitido energeticamente através do universo de que você mantém espaço para resultados negativos, ao ver este resultado negativo como possível, provável ou até inevitável.

A lei da atração é aplicada, geralmente ajudando a criar o resultado que você menos deseja, mas a que, todavia, você dedica sua energia. Nossos pensamentos estão agora muito mais potentes com essas intensas frequências mais altas na Terra nesta época, acelerando o processo de manifestação.

Nós temos agora muita assistência para finalmente suplantarmos a preocupação e outras vibrações de frequência mais baixa mantidas em nosso corpo mental. Nós podemos proporcionar um novo papel para o nosso corpo mental como um sistema de apoio para o nosso Deus interior.

A vida centrada no coração é conseguida quando o corpo mental é treinado por você para seu papel de apoiador, com a posição de diretor sendo passada para o seu Deus interior. Nosso coração está equipado com sua própria frequência intelectual.

Quando este “pensar” baseado no coração é combinado com a sabedoria interior de quem nós somos como alma e do que viemos para cá para sermos, nós desenvolvemos um diretor maravilhosamente equipado para a nossa jornada.

Treinar nossa mente é um trabalho interior. Até estar devidamente treinada, a mente pode se parecer com um comboio de “oh, não”, “fazer”, “talvez”, “deveria”, “poderia” e “e se”.

Aqui estão algumas técnicas específicas iniciais.

Primeiro: pratique estar no presente respirando intencionalmente e passando um tempo na natureza. Comece, também, a prestar mais atenção ao que está em seus pensamentos. Pergunte-se se um determinado pensamento está enraizado em medo/preocupação ou amor/confiança. Este é um filtro eficaz para treinar sua mente a ajudar você a ser amor, a ser confiante, a ser seu Deus interior.

Segundo: desenvolva uma prática de meditação que lhe ajude a vivenciar uma mente silenciosa, livre de “conversa” mental. Eu creio que todos podem aprender uma forma de meditação. Eu acho que aqueles que dizem não conseguir meditar são os que mais precisam por terem dado ao corpo mental tanto poder que ele os convence de que ele não pode ficar em silêncio.

Todos nós nos beneficiamos ao silenciar a mente. Se seu desejo é vivenciar sua voz interior, seu Deus interior, você vai fazer isso com seu corpo mental injetando todo esse falatório e ruído?

Ao criar ou utilizar um método de manifestação que funciona para você, este método lhe oferece momentos com a mente calma e silenciosa. Quanto mais você praticar, mais longos serão estes momentos.

Você pode descobrir como é prazeroso estar em seu corpo físico com a mente silenciosa, escolhendo “ser” nesse estado de consciência com mais frequência, talvez em todos os momentos de sua existência. O resultado é um corpo mental que não mais é dono de sua jornada. Ele não foi criado para essa posição suprema.

Terceiro: peça aos seus guias, anjos, Deus interior para ajudá-lo. É muito frequente nos esquecermos de pedir. Ao pedir ajuda nesta área específica, abra-se para o surgimento de conselhos, respostas e novas ideias, muitas vezes provindos dos lugares mais improváveis. Seu discernimento o ajudará a seguir a trilha que o Universo lhe proporcionará guiando-o amorosamente para sua meta fixada.

Quarto: confie que você é totalmente capaz de desprogramar todos e quaisquer medos e preocupações, transformando-os em amor e confiança. Você é um Mestre Criador.

Treinar sua mente para trabalhar no apoio de sua jornada exige esforço, mas vale a pena. Até mesmo aqueles de nós que deixamos nossas mentes controlarem nossas vidas por décadas podemos fazer essa grande mudança.

Você é uma alma eterna; um aspecto único de Deus.
Você é muito maior, muito mais poderoso do que sua mente física ou seus pensamentos.

Com alguma prática e estas técnicas para iniciar sua mudança, você pode vivenciar progressos dramáticos em sua jornada.

Estes lembretes são muito importantes nesta época. Paz interior e nossas respostas em uma frequência mais alta baseada no amor para nós mesmos e para o nosso universo parecem componentes críticos do plano de resgate para qualquer tipo de desastre natural, pessoal ou planetário.

Amor e bênçãos,

Jill Renee

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar.
http://stelalecocq.blogspot.com/2014/09/liberte-se-dos-programas-de-preocupacao.html
Fonte: Universo Natural

terça-feira, 29 de julho de 2014

10 passos para ter suas preces atendidas

por Maria Silvia Orlovas

Há alguns anos trabalho em sintonia com os mestres Ascensionados que sempre trazem maravilhosos ensinamentos para nossa conduta na vida prática e é um pequeno resumo que compartilho com você:

1. Escolha uma hora do dia para fazer suas preces. É muito importante a frequência do seu contato espiritual. Preces urgentes também são ouvidas, mas você deve ativar um diálogo frequente com Deus e com seus mentores, e sempre buscar essa conexão. Defina um horário, local e sempre eleve seus pensamentos respeitando a regra que você mesmo criou e colocou na sua rotina diária.

2. Monte um pequeno altar onde fará suas orações. Pode ser em qualquer canto da sua casa ou do seu quarto. Mas crie ali um ponto de conexão entre você e o lado espiritual. Mantenha sempre limpo esse ambiente e faça suas oferendas de flores, incensos etc., assim você cria uma espécie de portal. E quando você olha para esse local, imediatamente, sua mente levará você para o espaço espiritual da oração, tornando a conexão muito mais fácil.

3. O primeiro momento da prece é muito importante. É o momento de limpeza da sua vibração, da mente, então, é muito bom sentar relaxar, respirar muitas vezes profundamente abrindo mão das suas questões do dia. Nos tempos antigos, as pessoas antes de entrarem nos templos lavavam os pés, as mãos. Faziam "abluções", uma espécie de limpeza energética, pois se consideravam sujas, não apenas fisicamente, mas nos sentimentos, ideias e emoções. Os tempos mudaram, mas continuamos sofrendo e às vezes carregando em nossos ombros as preocupações; então, nada mais natural do que nos limpar, antes de buscar desesperadamente respostas e ajuda.

4. Use mantras suaves, músicas harmoniosas para atingir uma melhor concentração. Hoje temos infinitas possibilidades de meditar com lindas músicas de fundo. A música eleva a vibração, você se acalma e seus pensamentos vão se ordenando; então, você consegue rezar com mais tranquilidade, inclusive se expressando melhor com Deus.

5. Limpe seus desejos. Naturalmente, as pessoas rezam para pedir ajuda, auxílio e muitas vezes para receber graças. Os mestres ensinam que podemos pedir, mas que nem tudo o que desejamos será atendido, nem será bom para nossa evolução ou felicidade. Já não aconteceu com você de descobrir tempos depois que algo que você queria muito, se tivesse se realizado seria ruim? Pois bem, rezamos pedimos, mas temos que aceitar que a solução que aparecer será a melhor.

6. Entrego, confio, aceito e agradeço. Essas quatro palavras são importantes chaves para abrir os portais espirituais do contato com Deus. Algumas pessoas querem que Deus apenas manifeste aquilo que elas desejam. Agem como se Deus fosse seu office boy. Desprezam todo tipo de diferença e sofrimento como se fossem apenas castigos. A verdadeira prece começa com a entrega. Você pode pedir assim: Deus, eu quero que tal coisa aconteça, (diga o seu desejo), mas se não for para o meu bem, abro mão e permito que a Vontade Divina se manifeste na minha vida agora!

7. Precisamos desenvolver uma profunda confiança em Deus e isso se faz com a prática e com o entendimento que mesmo quando as coisas não fluem exatamente como gostaríamos, estamos sendo cuidados, amados e vivendo nossas lições. Se você se sente preso a uma situação ou sentimento, peça para Deus mostrar para você onde está errando e o que precisa aprender com essa situação. Quando entendemos que tudo na vida é para o nosso bem, e que sempre teremos lições importantes, a fé se fortalece e os caminhos se abrem.

8. Nunca peça algo egoísta, que será bom para você e ruim para outra pessoa. Nesses casos de disputa, brigas, conquistas etc., o melhor é entregar e pedir que Deus solucione a questão. Imagine que alguém está querendo um namorado que está comprometido com outra pessoa... Esse tipo de situação dolorosa é muito comum e infelizmente gera muita dor e Karma. Para a pessoa se libertar é preciso muita luz, coragem e entrega pedindo para as forças espirituais abrirem o seu caminho. E se você passa por algo assim, além da oração, procure ajuda para desfazer os embaraços dessa questão. Nesse caso, além da oração, é preciso muita compreensão, e às vezes ajuda externa de um terapeuta.

9. Quanto mais você meditar numa grande luz tomando conta do seu ser, sem pedir nada, apenas recebendo e confiando na ação divina, mais fácil a sua vida se tornará.

10. Nem tudo se resolve com pedidos, preces e orações. Os Mestres ensinam a entrega como um grande ato de amor e poder. Nem tudo precisamos compreender, nem tudo precisamos saber racionalmente. Oração é um ato de devoção, de procurar o colo de Deus e de aceitar suas divinas soluções.

Boa sorte para você e muita luz!

enviado por Izabel

quinta-feira, 3 de julho de 2014

A principal tarefa do ser humano é de dar nascimento a si próprio


 Erich Fromm

Nascemos, biológica e psicologicamente, com duas muitas possibilidades: o humano é potência, é possibilidade quase infinita de vir-a–ser! Mas esse desenvolvimento requer muito empenho, trabalho, disposição e abertura ao divino, pois outra dimensão humana é a espiritualidade. O humano é arvore que estende seus galhos e ramos na direção do sol e do céu!

Somos parte de uma história, construímos a história da humanidade e, ao mesmo tempo, somos parte dela. E quanto mais nos humanizarmos, mais estaremos dignificando a própria humanidade. Lembre-se: o verdadeiro amor é uma expressão da produtividade interna e compreende solicitude, respeito, responsabilidade e conhecimento... Então, mãos à obra!

Tenha um ótimo, iluminado e abençoado dia!

Frei Paulo Sérgio, ofm

enviado Maria Sylvia

domingo, 29 de junho de 2014

O futebol como religião secular



Leonardo Boff, teólogo e escritor

A presente Copa Mundial de Futebol que ora se realiza no Brasil, bem como outros grandes eventos futebolísticos, assumem características, próprias das religiões. Para milhões de pessoas o futebol, o esporte que possivelmente mais mobiliza no mundo, ocupou o lugar que comumente detinha a religião. Estudiosos da religião, somente para citar dois importantes como Emile Durkheim e Lucien Goldmann, sustentam que “a religião não é um sistema de idéias; é antes um sistema de forças que mobilizam as pessoas até levá-las à mais alta exaltação”(Durckheim). A fé vem sempre acoplada à religião. Esse mesmo clássico afirma em seu famoso “As formas elementares da vida religiosa: ”A fé é antes de tudo calor, vida, entusiasmo, exaltação de toda a atividade mental, transporte do indivíduo para além de si mesmo”(p.607). E conclui Lucien Goldamnn, sociólogo da religião e marxista pascalino:”crer é apostar que a vida e a história tem sentido; o absurdo existe mas ele não prevalece”.

Ora, se bem reparmos o futebol para muita gente preenche as características religiosas: fé, entusiasmo, calor, exaltação, um campo de força e uma permanente aposta de que seu time vai triunfar.

A espetacularização da abertura dos jogos lembra uma grande celebração religiosa, carregada de reverência, respeito, silêncio, seguido de ruidoso aplauso e gritos de entusiasmo. Ritualizações sofisticadas, com músicas e encenações das várias culturas presentes no país, apresentação de símbolos do futebol (estandartes e bandeiras), especialmente a taça que funciona como um verdadeiro cálice sagrado, um santo Graal buscado por todos. E há, valha o respeito, a bola que funciona como uma espécie de hóstia que é comungada por todos.

No futebol como na religião, tomemos a católica como referência, existem os onze apóstolos (Judas não conta) que são os onze jogadores, enviados para representar o país; os santos referenciais como Pelé, Garrincha, Beckenbauer e outros; existe outrossim um Papa que é o presidente da Fifa, dotado de poderes quase infalíveis. Vem cercado de cardeais que constituem a comissão técnica responsável pelo evento. Seguem os arcebispos e bispos que são os coordenadores nacionais da Copa. Em seguida aparece a casta sacerdotal dos treinadores, estes portadores de especial poder sacramental de colocar, confirmar e tirar jogadores. Depois emergem os diáconos que formam o corpo dos juízes, mestres-teólogos da ortodoxia, vale dizer, das regras do jogo e que fazem o trabalho concreto da condução da partida. Por fim vem os coroinhas, os bandeirinhas que ajudam os diáconos.

O desenrolar de uma partida suscita fenômenos que ocorrem também na religião: gritam-se jaculatórias (bordões), chora-se de comoção, fazem-se rezas, promessas divinas (o Felipe Scolari, treinador brasileiro, cumpriu a promessa de andar a pé uns vinte km até o santuário de Nossa Senhora do Caravaggio em Farroupilha caso vencesse a Copa como de fato venceu), figas e outros símbolos da diversidade religiosa brasileira. Santos fortes, orixás e energias do axé são aí evocadas e invocadas.

Existe até uma Santa Inquisição, o corpo técnico, cuja missão é zelar pela ortodoxia, dirimir conflitos de interpretação e eventualmente processar e punir jodadores e até times inteiros.

Como nas religiões e igrejas existem ordens e congregações religiosas, assim há as “torcidas organizadas”. Elas tem seus ritos, seus cânticos e sua ética.

Há famílias inteiras que escolhem morar perto do Clube do time que funciona como uma verdadeira igreja, onde os fiéis se encontram e comungam seus sonhos. Tatuam o corpo com os símbolos do time; a criança nem acaba de nascer que a porta da encubadora já vem ornada com os símbolos do time, quer dizer, recebe já ai o batismo que jamais deve ser traido.

Considero razoável entender a fé como a formulou o grande filósofo e matemático cristão Blaise Pascal, como uma aposta: se aposta que Deus existe tem tudo a ganhar; se de fato não existe, não tem nada a perder. Então é melhor apostar de que exista. O torcedor vive de apostas (cuja expressão maior é a loteria esportiva) de que a sorte beneficiará o time ou de que algo, no último minuto do jogo, tudo pode virar e, por fim, ganhar por mais forte que for o adversário. Como na religião há pessoas referenciais, da mesma forma vale para os craques.

Na religião existe a doença do fanatismo, da intolerância e da violência contra outra expressão religiosa; o mesmo ocorre no futebol: grupos de um time agridem outros do time concorrente. Ônibus são apedrejados. E pode ocorrer verdadeiros crimes, de todos conhecidos, que torcidas organizadas e de fanáticos que podem ferir e até matar adversários de outro time concorrente.

Para muitos, o futebol virou uma cosmovisão, uma forma de entender o mundo e de dar sentido à vida. Alguns são sofredores quando seu time perde e eufóricos quando ganha .

Eu pessoalmente aprecio o futebol por uma simples razão: portador de quatro próteses nos joelhos e nos fêmures, jamais teria condições de fazer aquelas corridas e de levar aqueles trancos e quedas. Fazem o que jamais poderia fazer, sem cair aos pedaços. Há jogadores que são geniais artistas de criatividade e habilidade. Não sem razão, o maior filósofo do século XX, Martin Heidegger, não perdia um jogo importante, pois via, no futebol a concretização de sua filosofia: a contenda entre o Ser e o ente, se enfrentando, se negando, se compondo e constituindo o imprevisível jogo da vida, que todos jogamos.

Do livro: Depois de 500 anos, que Brasil queremos?
Vozes 2000.
Related Posts with Thumbnails